TCE alerta Prefeito Ivar por gasto com pessoal

122

Pelo menos por 3 vezes o Tribunal de Contas do Estado (TCEMG) exortou o Prefeito Ivar Cerqueira (PSB).
No dia 2 de dezembro, Diário Oficial do Tribunal de Contas Número 1022, publicou um alerta baseado na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), considerando a decisão proferida pela Segunda Câmara, ocorrida em 28 de agosto.
O TCE diz que “fica o Poder Executivo de Conselheiro Lafaiete, na pessoa do Senhor Prefeito, cientificado de que despendeu com pessoal 50,19% da receita corrente líquida municipal no 6º bimestre de 2013, e ultrapassou, dessa forma, 90% do limite previsto na alínea “b” do inciso III do art. 20 da LRF, e de que a extrapolação do limite setorial de 95% poderá ensejar a incursão nas vedações descritas no parágrafo único do art. 22 da referida legislação”.
A decisão é assinada Edna Cristina Ribeiro, Diretora da Secretaria da 2ª Câmara no dia 26 de novembro de 2014.
Assim Lafaiete está no limite de gastos com pessoal.