22 de junho de 2024 20:34

Caixa oferece nova linha de crédito para capital de giro; Saiba mais

Os empresários poderão solicitar o crédito no valor de R$ 15 mil até R$ 10 milhões. O serviço pode ser contratado nas agências ou página CAIXA Com sua Empresa.

A Caixa Econômica Federal liberou novas linhas de crédito para capital de giro com garantia do Fundo Garantidor para Investimentos (FIG). A novidade é destinada às empresas com faturamento fiscal superior a R$ 360 mil e inferior a R$ 300 milhões ao ano. O crédito é liberado no âmbito do Programa Emergencial de Acesso ao Crédito (PEAC), com possibilidade de até 60 meses para pagamento.

Vale ressaltar que os recursos também poderão ser utilizados para realizar investimentos, na aquisição de máquinas e equipamentos e até em despesas operacionais, como pagamento de salário de empregados, compra de matérias-primas, mercadorias, entre outros. Saiba mais!

Capital de giro

Os empresários poderão solicitar a nova linha de crédito no valor de R$ 15 mil até R$ 10 milhões, considerando a soma das operações contratadas com garantia do FGI para o mesmo CNPJ. A taxa de juros varia de acordo com tamanho do empreendimento.

Para as pequenas empresas, a taxa de juros é a partir de 0,63% ao mês. Entretanto, o percentual depende da garantia ofertada, com prazo de carência de 9 até 12 meses. Já para as médias empresas, a taxa é a partir de 0,53% ao mês.

As contratações podem ser feitas até o dia 31 de dezembro de 2020. O prazo pode ser prorrogadas caso haja alteração legal, ou na utilização do limite disponibilizado para a CAIXA no Programa. Saiba como solicitar o serviço.

Como solicitar?

Para as empresas com faturamento fiscal anual inferior a R$ 30 milhões, o crédito pode ser solicitado nas agências ou no site CAIXA Com sua Empresa, basta preencher o formulário disponível na página.

Já no caso das médias empresas, o cliente precisa entrar em contato diretamente com uma das agências empresariais, para que seja feita a coleta dos documentos e demais tramites de contratação.

A garantia é limitada a 80% do valor do crédito, mas é possível agregar outras garantias adicionais. As empresas também contam com a isenção da Taxa de Abertura de Crédito (TAC). (Edital Concursos)

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade