12 de junho de 2024 11:20

Presidente do SindComércio repudia retorno a onda vermelha

O cenário epidemiológico no estado é de alerta tanto que das sete das 14 macrorregiões de Saúde se encontrarão na onda vermelha do plano Minas Consciente durante a próxima semana, conforme deliberação do Comitê Extraordinário Covid-19, definida em reunião executiva desta quarta-feira (16/12). 

As mudanças, válidas de sábado (19/12) a sábado (26/12), visam manter o equilíbrio do cenário pandêmico e fazem parte das orientações para as regiões de Minas Gerais sobre a retomada segura das atividades econômicas.

Repercussão

A decisão do Comitê Estadual repercutiu como uma “bomba” na região às vésperas do Natal já que somente os comércios essenciais poderão funcionar a partir de sábado (19) até dia 26.

Em nota,o SINDCOMERCIO repudiou qualquer fechamento do comércio, mais ainda na semana do Natal. “Temos visto ônibus lotados, muitas pessoas sem máscaras, além de noticias de festas sem fiscalização. Não é possível que o comérco seja penalizado novamente. Sem falar que está claro que o comércio não tem potencial de contaminação. Vamos fazer todo o possível para não permitir que isso não aconteça”, avaliou o Presidente Bento Oliveira (foto).

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade