24 de maio de 2024 16:54

PIS/Pasep: novo lote de pagamentos é liberado. Veja quem recebe

Está começando nesta quinta-feira (17) a abertura de mais um lote de pagamentos do abono salarial PIS/PASEP. De acordo com as informações oficiais, agora é a vez dos usuários que trabalharam no ano base de 2020 em empresas privadas e que tenham nascido no mês de abril. É o que se sabe.

Mas este não é o único grupo. Ainda de acordo com o calendário oficial de pagamentos, o dinheiro também está liberado para as pessoas que trabalharam no setor público no base de 2020. Especificamente nesta quinta-feira (17) é a vez daqueles que possuem os números 2 e 3 no final da inscrição.

No caso dos trabalhadores do serviço público, o recebimento do bônus é o PASEP. E neste caso, o dinheiro vai cair na conta deles por meio da conta que eles possuem no Banco do Brasil. Já os empregados de empresas privadas recebem o PIS. É basicamente a mesma coisa, mas o repasse para eles é feito através da Caixa Econômica Federal.

Vale sempre lembrar que existe um limite máximo de tempo para que o cidadão consiga fazer o uso desse dinheiro. Nos dois casos citados aqui, o prazo máximo é do dia 29 de dezembro. Então dá para dizer que não é preciso correr para movimentar a quantia agora. O cidadão ainda tem um tempo para fazer isso.

Alguns trabalhadores sobretudo da área do serviço público ainda não sabem o que é que precisam fazer para encontrar o número do PASEP. A boa notícia é que não é tão difícil fazer isso. Basta ir até a carteira de Trabalho. Caso não encontre por lá, basta ir até uma agência do Banco do Brasil com o seu RG e solicitar um extrato do PASEP.

Quem tem direito?

De acordo com as informações oficiais, têm direito ao abono salarial PIS/Pasep as pessoas que trabalharam por pelo menos 30 dias no ano base de pagamento. Para agora, nós estamos falando de 2020, como dito anteriormente.

Mas não é só isso. O cidadão também tem que ter recebido até, no máximo, dois salários mínimos em média durante esse ano base. Se passar desse limite de R$ 2.424, então o cidadão não vai poder receber esse abono de nenhuma maneira.

Por fim, ainda é preciso estar inscrito no sistema do PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na chamada Relação Anual de Informações Sociais (Rais). Pelo menos é isso o que se sabe até aqui.

Calendário do PIS/Pasep

Como dito, o calendário oficial do PIS/Pasep se divide em dois. Um funciona apenas para o pessoal que trabalha no setor privado e o outro vai para os indivíduos do setor público. Então é preciso saber primeiro em qual dos dois você se encaixa.

No caso das pessoas que trabalharam no setor privado, o pagamento é feito com base na divisão de acordo com a data de nascimento. Nesta quinta-feira (17), por exemplo, vai ser a vez dos que nasceram em abril.

Para os servidores públicos, o calendário é outro. Nesse caso, é preciso fazer os pagamentos com base no final do número de inscrição. Nesta quinta-feira (17) é a vez das pessoas que possuem o algarismo terminando em 2 e 3. É o que diz o Governo Federal. 

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade
novalogo-correiodeminasnova
Nossas redes Sociais