48 horas depois, bombeiros mantém esperança de localizar homem arrastado pelas enchentes em Lafaiete; buscas seguem pelo 3º dia

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
Moradores cobram uma solução para as enchentes no Real de Queluz e reforma de ponte/REPRODUÇÃO

Quarenta e quarto pessoas morreram em razão das enchentes e dos deslizamentos provocados por chuvas fortes que ocorrem em Minas Gerais principalmente desde a quarta-feira (22). Ao todo, 19 pessoas estão desaparecidas. As informações são do mais recente da Defesa Civil do estado.

Entre os desaparecidos está  o lafaietense Valmir Gonçalves, de 42 anos, conhecido como “profeta”. Na sexta feira (24), por volta das 21:00 horas o pedreiro ao atravessar a ponte, situada à rua José Mendes, teria escorregado, caído em um córrego e foi arrastado pelas fortes correntezas no Bairro Real de Queluz. No momento, um tempestade caia na cidade e o leito do rio transbordava.

Desde sábado (25), os bombeiros prosseguem na esperança de localizá-lo com vida e fazem uma varredura por toda a extensão do córrego. Valmir tem 2 filhos. Após o desaparecimento, surgiram diversas críticas em em postagens as redes sociais pela precária situação da ponte no Bairro.

Leia também:

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
FacebooktwitterFacebooktwitter

Comentários

Comentários

2 comentários em “48 horas depois, bombeiros mantém esperança de localizar homem arrastado pelas enchentes em Lafaiete; buscas seguem pelo 3º dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *