Anjos de Patas – Natal e o amor aos animais!

13

Véspera de Natal, final de ano, tempo de comemorações, união, esperança, amor… E por que não tempo de ver os animais abandonados com outros olhos? Olhos de amor, compaixão, solidariedade! A coluna Anjos de Patas foi criada com esse intuito.

Simples gestos fazem a diferença na nossa e na vida deles, que estão tão próximos da gente, e ao mesmo tempo tão longe.
Seja um um simples carinho, um olhar de amor, um alimento, um abraço, uma atenção!

Ame! Adote!

Adoção conjunta!

Auspedagem domiciliar Soninha Santiago
Amor e respeito aos animais

ONG APARC – Congonhas!
Seja um voluntário! Um colaborador! 

Espaço Cultura!

Com Cláudia Guimarães, escritora. 

O doutor Jivago, Boris Pasternak.

 

 

Publicado originalmente em 1957 fora da União Soviética, após ser banido pela censura do Partido Comunista, Doutor Jivago, que só seria lido por seus conterrâneos em 1987 ― 27 anos após a morte de seu autor ―, continua sendo o maior e mais importante romance da Rússia pós-revolucionária. Nele, Boris Pasternak traz à luz o drama e a imensidão da Revolução Russa pela história do médico e poeta Iúri Andréievitch Jivago em seu constante esforço de se colocar em consonância com a Revolução. Por seus olhos hesitantes o leitor testemunha a eclosão e as consequências deste que foi um dos eventos mais decisivos do século. Em tempos em que a simples aspiração a uma vida normal é desprovida de qualquer esperança, o amor de Jivago por Lara e sua crença no indivíduo ganham contornos de um ato de resistência. Seguindo a grande tradição do romance épico russo, Pasternak evoca um período historicamente crucial e nele retraça um panorama completo da sociedade da época.

Você encontra para empréstimo na biblioteca Casa de Guimarães.

Contatos pelo Facebook: http://www.facebook.com/casadeguimaraes

 

Feliz Natal e excelente ano novo!

Amor! Paz! Saúde!

Por: Ully Daniely