Casa de Música realiza III Festival de Violoncelos de Ouro Branco, que tem concurso internacional como novidade

17

Evento será realizado de 19 a 26 de março de 2016. Violoncelistas de diversas partes do mundo são presença confirmada. Cidade recebe alunos de várias cidades brasileiras,e Alemanha e Chile

Grupão
Grupão/Foto:Divulgação
Trio
Trio/Foto:Divulgação


Grupo infantil
Grupo infantil/Foto:Divulgação

A Casa de Música de Ouro Branco realiza em 2016 a terceira edição do Festival de Violoncelos.  Entre 19 e 26 de março, o evento reúne na cidade mineira professores, músicos e 58 estudantes de diversas cidades brasileiras e outros países, como Alemanha e Chile.

Este ano, a novidade é o I Concurso Internacional de Violoncelos, com duas modalidades:  até 16 anos e até 25 anos. De acordo com Kênia Libânio, coordenadora da Casa de Música, o concurso tem grande importância na formação de jovens músicos. “Não temos muitos concursos de violoncelo no Brasil. Então a oportunidade é única para enriquecer o currículo. Além disso, para nós que organizamos é a chance de descobrir novos talentos”, ressalta.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco oferece master classes, oficinas e promove recitais e concertos, vários deles com a participação dos alunos e professores. O evento tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

Também estão confirmadas as presenças Kayami Satomi (Brasil), Fábio Presgrave (Brasil), Peter Dauelsberg (Brasil), Márcio Carneiro (Brasil/Suíça), Olaf Niessing (Alemanha), Csaba Onczay (Hungria) Abel Moraes (Brasil) e Eduardo Swerts ( Brasil) e conta com a participação da pianista Risa Adachi (Japão) e da a acordeonista Claudia Buder (Alemanha)

Programação

 

A programação do Festival Internacional de Violoncelos de Ouro Branco tem início no sábado, 19 de março, com o concerto que reúne Matias de Oliveira Pinto (violoncelo) e Claudia Buder (acordeão). O repertório  começa com obras do período barroco: Ciacona, de Georg Muffat e as sinfonias  g-Moll, G-Dur, c-Moll e C-Dur, de Johann Sebastian Bach. Em seguida, os músicos apresentam Canto da Nossa Terra, de Heitor Villa-Lobos, ária das Bachianas Brasileiras nº 2, que unem material folclórico brasileiro às formas pré-clássicas no estilo de Bach.  A próxima é Intermezzo, de Isang Yun – um dos mais notórios e controversos compositores clássicos contemporâneos da Coreia do Sul – seguida por Tres Canciones Castellanas, do espanhol de origem basca Jesus Guridi. O repertório segue com Habanera, do pianista e compositor francês Maurice Ravel e será encerrado com Escolaso, do bandoneonista e compositor argentino Astor Piazzola.

Até sexta-feira, 25 de março, todos os concertos serão às 20h30, no auditório do Hotel Verdes Mares.

No domingo, 20 de março, se apresenta o UDI Cello Ensemble, de Uberlândia. A orquestra de violoncelos é dirigida por Kayami Satomi. Criado em 2009, o Ensemble inclui em seu repertório obras nacionais e contemporâneas e conta com 30 estreias mundiais, que, em sua maioria, são obras dedicadas ao grupo. Esta é a terceira vez que o grupo participa do Festival de Violoncelos de Ouro Branco.  No programa, obras contemporâneas, como Rapsódia, de Rafael Langoni; Tambatajá, de Waldemar Henrique, com arranjo de Sergei Firsanov;  A Morte da Mata, de Jean Goldenbaum; Adagio, de Samuel Barber e Lago , de Sérgio Roberto de Oliveira. O grupo executa ainda Intermezzo (Cavalleria Rusticana), do italiano Pietro Mascagni, expoente do período musical na ópera conhecido como verismo. Para encerrar, trilhas sonoras de alguns dos filmes mais aclamados dos últimos tempos: Piratas do Caribe, de Hans Zimmer, Titanic Fantasy, de James Hornets e um pout-pourri com arranjo de Clemens Rengier:  Era Uma Vez no Oeste, Simpsons e Missão Impossível.

 A  noite de segunda-feira, 21 de março, tem início com o violoncelista Márcio Carneiro, que dedica o repertório ao mestre da música barroca, Johann Sebastian Bach. O público terá a chance de apreciar a Suíte 6 em ré maior, uma das Suítes para Violoncelo,  considerada uma das obras mais belas do compositor alemão. O concerto de segunda-feira se destaca também pela participação especial de músicos que são também professores do festival, algum deles de outros países: Olaf Niessing, Czaba Onczay, Fábio Presgrave e Nicklas Erpenbach, aluno do Matias Oliveira Pinto em Münster.  Cada um deles se apresenta separadamente com repertório diversificado.

Já na terça-feira, 22 de março, o festival promove um dos encontros mais sonoros: piano e violoncelo. A pianista japonesa Risa Adachi acompanha os músicos Eduardo Swerts, na Sonata para violoncelo e piano Nr. 2, op.58, do alemão Felix Mendelssohn; o húnguro Czaba Onczay, que volta aos palcos, desta vez para tocar Robert Schumman e Fifthmusic, obra de Camilo Lendvay obra dedicada a Onczay; e Matthias Boutros, com Sonata nº 4 op 102 nº1, de Ludwig van Beethoven.

Na quarta-feira, 23 de março, será a vez do um repertório dedicado à música brasileira, possibilitando que os participantes de outros países conheçam melhor nossa cultura.  Os violoncelistas Matias de Oliveira Pinto, Fábio Presgarve, Marcio Carneiro, Csaba Onczay e a pianista Risa Adachi apresentam composições de Heitor Villa-Lobos, Ernesto Nazareth, Márcio Tavares, Martinho da Vila, entre outros.

Na quinta-feira, 24 de março, será realizada a última etapa do Concurso Internacional de Violoncelos, com apresentação dos finalistas. O resultado será anunciado pela banca logo após o concerto.

 

Sexta-feira, 25 de março, é a vez do Recital de alunos do III Festival de Violoncelos de Ouro Branco, com programa ainda a definir. O encerramento será no sábado, 26 de março,  com o Ensemble de Violoncelos, formado pelos participantes do festival,. O grupo se apresenta às 20h30 na Capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro. No programa,  Sarabande e Gavotte, de J.S. Bach; Entr’acte et Barcarolle, de J.Offenbach,  Sardana, de Paul Casals; Hymnus, de Julius Klengel e Reação em cadeia, de Jônatas Manzolli .

 As entradas para os concertos são gratuitas.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Estadual de Cultura de Minas Gerais e Programa Música Minas, e apoio do Consulado Geral da República Federal da Alemanha – Rio de Janeiro, Universidade Federal de Alagoas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Orquestra Sinfônica de João Pessoa e Instituto Baccarelli.

 Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações no site www.casademusica.org

PROGRAMA

 

* As entradas para todos os concertos são gratuitas

 

19/03 – sábado

20h30 – Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto

Matias de Oliveira Pinto (violoncelo) e Claudia Buder (acordeão)

Programa

 

Georg Muffat                                               Ciacona

(1653 – 1704)

 

Johann Sebastian Bach                            Sinfonia g-Moll

(1685 – 1750)                                               Sinfonia G-Dur

                                                                           Sinfonia c-Moll

                                                                           Sinfonia C-Dur

 

Heitor Villa-Lobos                                     Canto da Nossa Terra

(1885 – 1959)

Isang Yun                                                        Intermezzo

(1917 – 1995)

Jesus Guridi                                                   Tres Canciones Castellanas

(1886-1961)

Maurice Ravel                                               Habanera

(1875-1937)

Astor Piazzola                                                Escolaso

(1921-1992)

20/03 – domingo

20h30 – Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

UDI Cello Ensemble

 

Programa

Rafael Langoni                                      Rapsódia

Pietro Mascagni                                   Intermezzo (Cavalleria Rusticana)

Waldemar Henrique                              Tambatajá (arr.: Sergei Firsanov)

 

Jean Goldenbaum                                  A Morte da Mata

Samuel Barber                                        Adagio

Sérgio Roberto de Oliveira                Lagoa

Hans Zimmer                                           Piratas do Caribe

James Hornets                                         Titanic Fantasy

Clemens Rengier (arranjo)            Pout-Pourri de filmes (Era uma vez no oeste, Simpsons, Missão impossível, Piratas do Caribe)

 

 

 

 

21/03 – segunda-feira

20h30 – Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Cello Solo

Programa

 

Marcio Carneiro 

J.S.Bach                                           Suite nº6 em Ré Maior, BWV1012

                                                                        Prélude

                                                                        Allemande

                                                                        Courante

                                                                        Sarabande

                                                                        Gavotte I e II

                                                                        Gigue

 

Olaf Niessing

Christoph Otto Beyer                    Sonata para violoncelo solo

                                                                        Präludium

                                                                        Canto

                                                                        Capriccio Finale

Czaba Onczay


Zoltan Kodaly                                          Sonata para Cello Solo 1. Mov

Camilo Lendvay                           Fifthmusic

 

Fábio Presgrave

 

Edson Zampronha                       Elegia

Nicklas Erpenbach

Improvisação

22/03 – terça-feira

20h30 – Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

 

Recital de violoncelo e piano

Eduardo Swerts                    

 

 F.Mendelssohn            Sonata para violoncelo e piano Nr. 2,  op.58

I.Allegro assai vivace

II.Allegretto scherzando

III.Adagio

IV.Molto allegro e vivace

Csaba Onczay

Robert Schumann                               Adágio e Allegro

 

Matthias Boutros

L.V.Beethoven                                          Sonata nº 4 op 102 nº1

                                                                      Andante, Allegro Vivace

                                                                      Adágio, Allegro Vivace

 

 

Pianista: Risa Adachi

23/03 – quarta-feira

20h30 – Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Noite Brasileira

Matias de Oliveira Pinto

Fábio Presgarve

Marcio Carneiro

Csaba Onczay

Risa Adachi (piano)

 

 

H.Villa Lobos                                          Quatro Estudos

                                                                        Canto da Terra

                                                                        Preludio

                                                                        Canto do Cisne Negro

                                                                        O trenzinho do caipira

Luciano Gallet                              Elegia

 

Mário  Tavares                            Ballada

 

Stephan Froleyks                        Gotas Emaranhadas

 

Ernst Mahle                                   Duetos Modais

 

Osvaldo Lacerda                         Choro Seresteiro

 

Ernesto Nazareth                       Odeon

(Arr. Matias de Oliveira Pinto)

Martinho da Vila                         Ex Amor

 

24/03 – quinta-feira

20h30 – Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Final do Concurso Internacional de Violoncelos

Programa

 

Categoria I – até 16 anos

Repertório a ser anunciado

 

Joseph Haydn                               Concerto nº1 em Dó Maior

                                                                        I – Moderato

 

Categoria II – até 25 anos

 

Repertório a ser anunciado

 

 

Joseph Haydn                               Concerto nº2 em Ré Maior

                                                                        I – Allegro moderato

                                                           

25/03 – sexta-feira

20h30 – Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

 

Recital de alunos do III Festival de Violoncelos de Ouro Branco

 

26/03 – sábado

20h30 – Capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro

(Rodovia MG 129, Km 174, Ouro Branco)

Ensemble de Violoncelos do Festival

Programa

J.S.Bach                                            Sarabande e Gavotte

 

J.Offenbach                                       Entr’acte et Barcarolle

 

P.Casals                                             Sardana

 

J.Klengel                                            Hymnus                                               

 

Jônatas Manzolli                               Reação em cadeia