Chuvas alagam casas no Carijós e pesadelo das enchentes atormentam moradores; Defesa Civil visita área nesta tarde

16
Chuvas alagaram duas casa no Carijós e deixa moradores as margens do Bananeiras em alerta / CORREIO DE MINAS

Desde as primeiras horas da madrugada desta sexta-feira (24), moradores da parte baixa da cidade têm redobrado a atenção devido às fortes chuvas. Alguns estão se revezando para monitorar o volume do rio Bananeiras.
O receio é de que, havendo mais precipitação intensa, aconteça o transbordamento e as águas invadam casas. Pessoas que residem em imóveis com terrenos rebaixados já relatam que a água chegou aos quintais. Outro temor é em relação à abertura das comportas de represas da região sul da cidade. Conforme alguns moradores, já é possível verificar que o rio está correndo em velocidade maior, apesar da chuva estar mais branda no momento. Isso poderia indicar de as comportas começaram a ser abertas.

Nossa reportagem flagrou duas casas tomadas pelas águas do Bananeiras na rua Cataguazes, no Carijós. As moradores contam o drama de ver suas casas residências invadidas pela força das águas. Os bombeiros estiveram no local.

Segundo apurou nossa reportagem, a Defesa Civil visitará as casas que margeiam o Rio Bananeiras e não está destarcatada a evacuação do local, já que a previsão é de chuvas intensas até domingo.

Outra áreas

Diversos bairros foram atingidos pelas chuvas, como Vila Fernandes onde água chegou perto de residências. No Gagé a estrada que liga a Lafaiete pelo Lima Dimas está paralisada por queda de barrancos. (Colaboração Hugo Pacheco)

Ocorrência encerrada onde os bombeiros verificaram tratar-se apenas de danos materiais não havendo risco a residência tão somente a queda parcial de algumas placas de muro próximo ao imóvel.

Fotos CORREIO  DE MINAS

Leia mais

Chuvas alagam ruas em Rio Espera e interdita estrada entre Piranga e Senhora de Oliveira

Chuvas provocam inundações em diversos bairros de Lafaiete