Com nota máxima em ações, Lafaiete vai receber recursos do ICMS Turístico

19

Conselheiro Lafaiete vai receber mais uma vez recursos do ICMS Turístico. O município, que recebeu o recurso pela primeira vez na atual administração, repetiu o feito dos dois últimos anos e obteve 10, que é a pontuação máxima dada pelo Estado por meio da Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais para o somatório das notas da organização turística na cidade.

O ICMS Turístico atua como motivador de ações, visando estimular a implantação por parte dos municípios, de programas e projetos voltados para o desenvolvimento turístico sustentável, em especial os que se relacionam com as políticas para o turismo dos governos estadual e federal.

projet-lafaiate-dentro

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Alessandro Dalla Vedova, destacou que o município cumpriu todas as obrigações tais como ter um conselho municipal ativo, ser ligado a um circuito turístico reconhecido pela Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais e ter na administração um setor específico de turismo. Dalla Vedova agradeceu os parceiros como Conselho Municipal de Turismo e o Circuito Villas e Fazendas.

“É com muita satisfação que recebemos a informação que fomos agraciados mais uma vez com o ICMS Turístico que recebemos pela primeira vez em 2014 devido as ações realizadas na atual gestão em 2013. Mantivemos nosso trabalho e em 2015 e agora em 2016 obtivemos a pontuação máxima garantindo os recursos em torno de R$70 mil para que sejam feitas ações de turismo em 2017. Estamos muito satisfeitos e agradecemos a todos os parceiros que fizeram isso acontecer em todo esse período, já que o  turismo é um setor que dá sua contribuição para desenvolver economicamente nossa cidade. Entendemos que avançamos e que o dever foi cumprido, pois gerimos com responsabilidade”.

Entre as principais ações realizadas pelo município em que foram aplicados os recursos do ICMS Turístico estão: o Projeto “Lafaiete Iluminada”, a Semana Municipal de Desenvolvimento Econômico que disponibilizou palestras e oficinas gratuitas para os participantes, além da realização do Projeto “Anda Lafaiete” que incentiva o turismo nas comunidades rurais por meio de caminhada e a instalação de placas indicativas na zona rural.

Na atual administração o município também foi incluído no Projeto Caminho Religioso da Estrada Real e passou a fazer parte das 11 cidades que possuem o carimbo para passaporte de turistas que passam pelo Caminho Novo da Estrada Real.