Conselheiro Lafaiete recebe R$220 mil para educação e combate ao COVID-19

32

Parlamentar, em conjunto com um ativista político da região, articulam recursos que favorecerão duas instituições de ensino e a saúde do município.

Fortalecer as políticas públicas na área da educação, por meio de investimentos na

Enrico Lopes

infraestrutura, com equipamentos e mobiliários diversos: esse é o objetivo do recurso de R$ 70.000,00 solicitado para as instituições de ensino “Escola Estadual Lopes Franco” e “Escola Estadual Pacífico Vieira”, de acordo com o estudante de Direito, Enrico Lopes, ativista político, aluno do RenovaBR e membro do  rupo “Rede Solidária”, formado por jovens e voluntários da cidade, atuantes nas mais variadas frentes sociais.

O pedido do jovem Enrico, de imediato foi abraçado pelo Deputado Estadual Osvaldo Lopes, que além da verba acima mencionada, fez questão de atender a uma segunda solicitação. Em conjunto com a Rede Solidária de Conselheiro Lafaiete, Enrico solicitou R$ 150.000,00 para a ações de prevenção e combate ao COVID-19, o Coronavírus, em
iniciativas que possam qualificar os postos e hospitais, com equipamentos de suporte aos profissionais da saúde, tais como EPI’s.

Equipamentos de proteção individual, insumos de UTI’s – Unidades de Tratamento Intensivo e muito mais.
“Para a minha geração, esse tipo de conquista representa um marco, porque a partir da boa política, estamos conseguindo transformar a realidade que nos cerca, e melhorar a vida das pessoas em dois pilares que são fundamentais para qualquer sociedade, que são a educação e a saúde. Agradeço a sensibilidade do parlamentar e, sobretudo, parabenizo os lafaietenses pela conquista que, na verdade, é de todos nós”, analisou Enrico Lopes.

No último dia 16 de abril, o Prefeito Mário Marcus divulgou a confirmação do primeiro caso positivo de Coronavírus na cidade. O paciente, um homem de 87 anos, foi hospitalizado, segundo atestou a Secretaria de Estado da Saúde. Desde então, a Rede Solidária, idealizada por Enrico e outros jovens da cidade, efetivou a distribuição de máscaras, cestas básicas, alimentos diversos e orgânicos de produtores locais, para famílias em condição de vulnerabilidade social, cadastradas no CRAS – Centro de Referência de Assistência Social de Conselheiro Lafaiete. “Estamos atentos às
demandas da população e, com organização, pesquisa, afinco e contando com a costumeira solidariedade da população lafaietense, buscamos basicamente realizar a mais eficaz e sensível estratégia para um momento como o que estamos vivendo: fazer o bem”, conclui Enrico.

Texto e fotos Rafael Oliveira