De novo? Câmara arquiva mais uma tentativa de emplacar mais uma comissão processante contra o prefeito Ivar

11
Tarciano-vereador-e1393419521223
vereador Tarciano Franco (PRTB)

Agora é um denúncia em cima da outra, justamente no período eleitoral. Porque somente agora chovem estas denúncias?”. Este foi o desabafo do vereador Tarciano Franco (PRTB) ao criticar mais um tentativa de criação de uma Comissão Processante (CP) contra o prefeito Ivar Cerqueira (PSB).

Na noite de ontem, dia 5, os vereadores pela 4ª vez, em 3 anos, arquivaram mais uma denúncia, encaminhada pelo cidadão Fabrício Ferreira Guedes em que pedia abertura de Comissão Processante (CP) por descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Vereador Zezé do Salão (PMN)
Vereador Zezé do Salão (PMN)

Por 6 votos favoráveis e 5 contra, a denúncia foi arquivada, já que seu prosseguimento poderia levar o prefeito a uma eventual

Vereadores Carlos Magno
Vereadores Carlos Magno

cassação. Mesmo com os dois votos dos vereadores Carlos Magno e Zezé do Salão (PMN), que se ausentaram da sessão por motivos de doenças, não seriam necessários a abertura da CP.

Ao contrário da denúncia anterior, arquivada há mais de 30 dias que também pedia abertura de comissão processante,bancada do PT votou em bloco pela abertura da comissão. “Minha preocupação é com enxurrada de denúncias que chegam a esta Casa.

Toninho do PT
Toninho do PT

Eu defendo a abertura de uma comissão especial neste caso mas como é nosso dever apurar tudo o que aqui chega o nosso partido vai votar pela abertura da processante”,

Vereador João Paulo pé quente
Vereador João Paulo pé quente

explicou Toninho do PT. Os vereadores Pastor Boaventura (PSDB) e Pedro Américo (PT) também defenderam apuração dos fatos e seguiram pela comissão processante.

Sandro
Vereador Sandro José

“A gente não sabe o que está acontecendo com as contas públicas, já que o município não envia os dados e isso atrapalha a fiscalização do Tribunal de Contas”, criticou Pedro Loureiro (DEM). “È muita gente que usa este tipo de artimanha pra se projetar para a mídia neste período”, criticou a denúncia enviada a Casa o vereador Sandro José (PSDB). Apesar da crítica ao momento da denúncia, ele porém votou pela abertura da comissão. “A denúncia é descabida já que o prefeito já que ele já foi penalizado com o pagamento da multa. Não se justifica a cassação”, ponderou Tarciano.

Fotos:Arquivo