É campeão! Em virada histórica e emocionante, Flamengo bate o Itaverava e levanta o hexa do Amador

13

Depois de 21 anos, o Flamengo levantou o hexa campeonato (1959, 1962, 1980, 1991,1993) do Campeonato Amador , versão de 2014, ao vencer por 3 a 1 no tempo normal e em seguida na prorrogação o rubro negro fez 2 a 0 sobre o Itaverava.

Jogadores do Flamengo comeram título e festa em Lafaiete vai romper a noite

Ao apito do final do Juiz Váber, que comandou com maestria e pulso a partida, os jogadores comemoram o feito histórico de reverter um placar adverso quando perdeu a primeira partida por 3 a 1. O jogo terminou há menos de uma hora. O campeonato restabeleceu a legitimidade do título quase 4 anos depois já que um recurso impetrado, à época, na Federação Mineira pelo Queiróz Júnior, suspendeu o jogo final. Após o imbróglio a entidade máxim

Trio de arbitragem foi impecável no jogo

a do futebol de Minas determinou a

realização da final entre as duas equipes.

A decisão

Foi um jogo memorável e uma virada até então impossível ao Flamengo. O futebol é imprevisível e o resultado de uma partida é oficializado somente quando o juiz apita seu final, o que faz do esporte ser carregado de emoção.

O Itaverava levava o título até aos 34 minutos do segundo tempo quando veio uma reação do rubro negro lafaietense que empatava a partida em 1 a 1 e em dois minutos fez dois gols e levou a decisão para a prorrogação. A partir daí, o Flamengo se impôs e promoveu uma virada épica, digna das grandes conquistas.

Adjalma, Augusto Gustavo e o Mauro

O primeiro tempo foi um jogo morno com e muito concentrado no meio campo com poucas chances para ambos os lados.  Aos 7 minutos, João Paulo cobrando falta fez o primeiro tento para o Flamengo. Aos 14, o sagueiro rubro negro bobeou, Diogo recuperou a bola e sofreu pênalti. Na cobrança, Douglas empatou a partida.

João Paulo, Juninho e Túlio: o trio foi responsável pelos 5 gols da conquista

No segundo tempo o jogo foi franco. Aos 30 minutos, o atacante Juninho chutou a bola no travessão do Flamengo desperdiçando uma grande chance de liquidar a fatura. Aos 34, Gabriel segurou uma bela falta cobrada por João Paulo do Flamengo.

Em dois minutos o Flamengo tomou o título do Itaverava e virou a partida. Aos 34 e 36 minutos, Juninho marcou duas vezes fazendo 3 a  1 e devolvendo o placar do primeiro jogo.

A partida foi para a prorrogação. Logo aos 6 minutos, João Paulo marcou seu segundo gol fazendo 1 a 0 para o Flamengo. Aos 2 minutos da segunda etapa, Túlio fez 2 a 0 para o rubro negro sacramentando o título mais que merecido pela garra e entrega dos jogadores que em momento algum se abateram com as adversidades da decisão.

Coube ao goleiro capitão Juninho, que na semana passada fora campeão da Vertentes pelo Cristianense, levantar a Taça do Amador. A conquista coroou a abnegação e a dedicação do radialista e presidente do clube, Augusto Gustavo, que não segurou as lágrimas e era o mais festejado após a partida. Segundo ele, o último título do Flamengo em sua casa foi em 1962. Nos últimos aos, o rubro negro lafaietense chegou a diversas finais, mas deixava escapar o título.

Troféus

O artilheiro do Amador foi Gabriel Caixeta, do Queiróz Júnior, com 11 gols. A defesa menos vazada foi do campeão Flamengo e troféu disciplina foi entregue ao Itaverava.

 

Amador começa o próximo dia 19

Decisão: o presidente do Flamengo, Augusto Gustavo, era o mais festejado com merecido hexa campeoato

Com as finais da Vertentes e do Amador, a Liga de Desportos resgatou sua credibilidade do futebol e restabeleceu o esporte regional que ficou paralisado por mais de 3 anos sem competições. O Presidente da entidade, Adjalma Rodrigues, era um doa mais felizes com as duas decisões em 8 dias, resultado do bom trabalho desempenhado.

Já o próximo dia 19, começa o Campeonato Amador já com 10 equipes confirmadas (Aimoré, Meridional, Mineiro, Flamengo, Aliado, Santanense, Ferroviário, Itaverava e Flor da Serra e Queiróz Júnior). Também inicia na mesma data, o torneio Criança Esperança com as categorias de base desde fraldinha a juvenil.

A novidade no calendário do segundo semestre será a volta do campeonato Júnior, disputado com jogos nas preliminares do Amador. O futebol regional está em grande festa.