Em campos opostos, Glaycon Franco e José Milton ensaiam dobradinha

11
Depois de mais de 4 anos no ostracismo, José Milton resolveu aparecer em uma a reunião pública dando mostras de sua intenção para o ano que vem/CORREIO DE MINAS

Está sendo costurada nos bastidores uma dobradinha que pode capitalizar o poder político lafaietense. O deputado estadual Glaycon Franco (PV) e o empresário José Milton (PSDB) poderiam repetir a dobradinha de 2006 em um cenário político diferente, já que hoje as duas lideranças estão em campos políticos opostos. À época José Milton chegou a quase 70 mil votos disputando uma vaga no Congresso e Franco obteve a suplência na assembleia com pouco mais de 22 mil votos.

Porém o cenários é diferente. Franco é da base do Governador Fernando Pimentel, candidato a reeleição. Já o tucano deve apoiar o grupo do PSDB/DEM, adversário do atual governador. Glaycon é candidato a uma das vagas na Assembleia para reforçar seu capital político e Milton concorrerá a deputado federal, seu grande sonho.

Recuperado de problemas de saúde, José Milton é visto circulando com desenvoltura própria nos corredores políticos locais. Na semana passada, ele esteve presente a reunião da reunião da Associação dos Municípios do Alto Paraopeba (AMALPA), em Queluzito.

Sua última aparição pública ocorreu no ano passado em agosto durante o lançamento da pré candidatura de Mário Marcus (DEM) ao governo municipal.

Amigos e correligionários dão como certa sua volta ao universo político.

Mas o que está em jogo é aumentar o prestígio, a visibilidade de Lafaiete nas duas esferas, algo tão cobrado e propagado no meio político. Na semana passada, durante reunião da Amalpa, o deputado Glaycon Franco tocou na ferida insistindo na união e mobilização regional como forma de pressionar o governo a dar mais atenção a Lafaiete e região. Ele reclamou que outras cidades são bem atendidas pelos governos estadual e federal enquanto Lafaiete não tem o mesmo tratamento. “Temos mostrar que nós temos café no bufe”, assinalou, arrancando aplausos da plateia de prefeitos e lideranças regionais.