fbpx
27 C
Conselheiro Lafaiete
sábado, 26 setembro 2020
Início Nacional Entenda o novo limite de crédito no Cartão Consignado

Entenda o novo limite de crédito no Cartão Consignado

O limite passa de 1,4% para 1,6% do valor mensal do benefício; entenda porquê

Já não é novidade que a pandemia de Covid-19 provocou mudanças em todas as esferas da sociedade. Quando falamos em economia, então, tudo mudou. Entre os públicos que receberam maior destaque durante este período foram os aposentados e pensionistas do INSS. 

O principal motivo foram as discussões a respeito do empréstimo consignado, a modalidade de crédito destinada para esta categoria. Diferentes debates foram travados em Congresso com o objetivo de evitar que esta importante parcela da população acumulasse dívidas e, por isso, novas regras foram estabelecidas para o consignado até dezembro de 2020.

Entendendo o empréstimo consignado

A modalidade de empréstimo consignado é, especialmente, destinada para aposentados, pensionistas do INSS e servidores públicos. Por fazer o desconto das parcelas diretamente do salário ou do benefício do tomador, o consignado conta com uma das taxas de juros mais baixas do mercado financeiro. 

Não à toa, a contratação de empréstimo consignado cresceu 20% durante o primeiro trimestre deste ano, mesmo diante da pandemia de Covid-19. Com os juros menores, muitas pessoas veem no consignado a oportunidade de pagar dívidas atrasadas, colocar a vida financeira em ordem ou até mesmo tirar um plano do papel.

Além do empréstimo propriamente dito, o público elegível a esta forma de crédito, também pode solicitar um cartão de crédito consignado. Este cartão funciona exatamente com os demais, mas apresenta outros benefícios, como: anuidade gratuita, menores taxas de juros, não consulta ao SPC ou Serasa e desconto do mínimo da fatura diretamente do salário, evitando o não pagamento da fatura. 

INSS

INSS aumenta limite do cartão de crédito consignado

Como dito, a modalidade de consignado passou por diversas discussões nos últimos meses e novas regras foram estabelecidas, com destaque para o novo limite do cartão consignado estabelecido pelo Instituto Nacional do Seguro Social – INSS.

O limite anterior era de 1,40 do valor da renda mensal do aposentado e do pensionista. Com a mudança, o limite agora é de 1,60. Para entender melhor a mudança é necessário  multiplicar o valor do benefício por 1,6.

Dessa forma, se o benefício recebido é o valor do salário mínimo atual, R$ 1.045,00, este beneficiário poderá  ter como limite de crédito o equivalente a R$ 1.672,00. Esse cálculo é feito para entender  o valor máximo que a pessoa poderá ter ao solicitar o cartão de crédito consignado. 

O grande objetivo dessa mudança é oferecer mais facilidades ao grupo elegível ao consignado. Vale lembrar, no entanto, que a margem consignável não pode ultrapassar 5% da renda mensal do beneficiário.

Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise.  (Jornal Contábil)

Mais lidas

Helicóptero chega para socorrer vitimas dentro de carro em chamas na BR040

Um acidente de grandes proporções, envolvendo um caminhão e um carro, deixa a BR 040 totalmente travada nós dois sentindo.

Governo autoriza reabertura de escolas de Lafaiete e região. Veja as cidades

Governo do Estado permitiu que todos os municípios contidos na "onda verde" do programa Minas Consciente retomem as atividades presenciais