Ex miss Lafaiete e Minas Gerais Tatiane Alves é presa em Operação

23
Tatiane Alves nasceu em Conselheiro Lafaiete e é modelo desde os 13 anos/Divulgação

A lafaietense e ex-miss Minas Gerais Tatiane Kelen Barbosa Alves Barcelos foi presa na manhã desta terça-feira (15), em sua casa na cidade de Brumadinho, na região metropolitana da capital mineira. A prisão de Tatiane é parte da operação Ptolomeu, que investiga fraudes em licitação de transporte escolar em Esmeraldas e prendeu 14 pessoas em julho deste ano – entre elas, dois ex-prefeitos da cidade.

Tatiane, que ficou em 5º lugar no concurso Miss Brasil em 2005, é mulher de Emilson Custódio de Melo Barcelos, dono da BK Transportes, empresa suspeita de fraudar as licitações de transporte no município. A Polícia Civil em Esmeraldas informou que a ex-miss foi encaminhada para a perícia no Instituto Médico Legal de Ribeirão das Neves para ser encaminhada ao presídio de São Joaquim de Bicas 2. O mandado de prisão contra ela ainda é preventivo.

Embora a polícia confirme o envolvimento de Tatiane na fraude, não foi informado qual o papel dela na ação criminosa para não atrapalhar as investigações.

Tatiane foi Miss Lafaiete em 2004 em concurso realizado pelo CDL –CL.

Tatiane foi miss Lafaiete em 2004, aos 20 anos, e foi eleita Miss Minas Gerais no dia 20 de março de 2005. Desde então ela atuava na área de publicidade na capital mineira.A lafaietense também conquistou o quarto lugar no concurso de beleza Miss Terra 2008, realizado no Clark Expo da cidade de Angeles, nas Filipinas. A mineira, que trabalha como modelo desde os 13 anos, foi coroada a “Miss Fogo”.

Com Informações: Jornal O Tempo