Hospitais de Lafaiete recebem mais de meio milhão em emendas do deputado Padre João em 2017

14

O deputado federal Padre João tem trabalhado intensamente em favor do povo mineiro. Os hospitais de Conselheiro Lafaiete têm recebido atenção especial por parte do mandato. Preocupado com a saúde da população, nos últimos quatro anos Padre João tem destinado recursos através de emendas para melhoria nas unidades hospitalares da cidade. No orçamento de 2017, o deputado contemplou três hospitais com emenda de custeio (aquisição de material de consumo e pagamento de contas correntes) no valor de R$ 480 mil, sendo assim distribuídos: R$ 130 mil para o Hospital Queluz, R$ 130 mil para o São Camilo e R$ 120 mil para o Hospital São Vicente, valores já empenhados, conforme portaria 1714/2017 do Ministério da Saúde.

No último dia 27, foi depositado na conta do Hospital São Camilo R$ 130 mil, recurso de emenda de Padre João incorporada ao orçamento de 2016, para aquisição dos seguintes equipamentos: cadeira de banho, higiênica; cama hospitalar tipo fawler mecânica; estante; balança tipo plataforma; aspirador de secreções elétrico móvel; oxímetro de pulso; termômetro digital; impressora laser multifuncional; central de nebulização otoscópio; laringoscópio adulto; impressora laser (comum); impressora laser (comum); esfigmomanômetro de pedestal; furadeira elétrica de bancada; escada com degraus; geladeira.

O Hospital Maternidade São José também está sendo contemplado este ano com emenda do deputado Padre João no valor de R$ 100 mil para custeio, recurso adquirido via emenda da Bancada mineira na Câmara.

Em 2013 e 2014, Padre João destinou R$ 443 mil para a Prefeitura de Lafaiete para aquisição de equipamentos para Postos e Unidades Básicas de Saúde do município.

Padre João destacou que os recursos ajudam na melhoria dos serviços de saúde da população de Conselheiro Lafaiete e de toda a região. “Nosso compromisso é trabalhar e trazer mais recursos para ajudar os hospitais e as unidades de atendimento básico do município. A saúde precisa de mais investimentos para que seja oferecido um serviço digno e de qualidade para a população”, enfatizou.