Escalada da violência: em 3 dias Lafaiete registra dois assassinatos de jovens

13

Na última semana, Lafaiete registrou 3 tentativas de homicídio e 2 assassinatos. Na última quarta feira, dia 6, a PM encontrou Jhonatan Felipe Basílio de 20 anos que era morador do bairro Real de Queluz. Seu corpo foi encontrado em um local conhecido como “Morro do Pink Floyd”, no Bairro Morro da Mina, em Lafaiete. Em seu bolso foi encontrado um maço de cigarros, uma pequena porção de maconha, duas moedas e um aparelho de telefone celular. A suspeita é de que sua morte esteja ligada a dívida com o tráfico de drogas.

Novo assassinato

Ontem, por volta das 22: 00 horas, mais um crime que aumenta a estatística cruel em Lafaiete, ocorrido em residência à rua Napoleão Reis, no bairro de Lourdes, em Lafaiete. Segundo dados, o tio do morador da casa recebeu uma ligação anônima dizendo que o sobrinho havia sido esfaqueado e estava morto dentro do imóvel.

Pela fresta da porta ele notou uma grande quantidade de sangue no interior do imóvel. A Polícia Militar foi acionada e no local o tio percebeu que não se tratava do sobrinho, mais sim, do seu amigo de nome Emerson, procedente do bairro Progresso que estava morando com ele.
Dentro do imóvel foi percebido que houve luta corporal devido aos objetos da casa estar desordenados e sangue espalhado por toda parte no interior do imóvel. A vítima além de várias perfurações pelo corpo ainda se encontrava com a faca empalada nas costas.
Uma testemunhou informou que percebeu uma pessoa pulando o muro de uma residência na rua que faz fundos com o imóvel onde ocorreu o crime, sendo descrito as características do suspeito bem como as roupas que ele usava. ​Até o fechamento desta matéria, o sobrinho da testemunha que dividia o imóvel com a vítima não havia sido localizado. Após a perícia no local, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).