João Paulo Pé Quente propõe projeto para redução do consumo através de captação das águas das chuvas

7
Vereador João Paulo/Arquivo
Vereador João Paulo Pé Quente/Arquivo

A longa estiagem que a cidade enfrenta fez com que o vereador e líder do governo, João Paulo Pé Quente (DEM), provocasse o debate em torno de medidas para podem ajudar na economia de água de consumidores lafaietenses.

Na sessão da Câmara antecipou que vai apresentar um projeto de lei orientando e obrigando os proprietários, como também as empresa, a adotarem sistema de captação das águas das chuvas. “Acredito que todos nós temos nossa contribuição na questão da sustentabilidade como também na redução do consumo através da captação de águas das chuvas. Esta água pode servir para atividades domésticas, irrigação de plantas, lavagem de casa, banheiro, carro, calçadas, nas descargas do banheiro entre outras utilidades. Lafaiete pode ser modelo para o Brasil neste período que enfrentamos uma crise hídrica”, assinalou.

Segundo ele, para as empresas, é possível canalizar essa água para diversos setores, o que impacta em um expressivo retorno financeiro devido a economia de água.