fbpx
12 C
Conselheiro Lafaiete
sexta-feira, 14 maio 2021
InícioCulturaJovem lafaietense transforma hobby literário em atividade profissional e ganha seguidores nas...

Jovem lafaietense transforma hobby literário em atividade profissional e ganha seguidores nas redes sociais

Natural de Lafaiete, Mariana Lucioli mudou-se, com seus pais, para Belo Horizonte. Ela é filha de engenheiro da Copasa, Ricardo César, e da fisioterapeuta, Fúlvia Bruno.
Lucioli é neta do Gerente de Patrimônio da Prefeitura de Lafaiete, Luiz Carlos Dutra. Aos 20 anos cursa o 5º período de Medicina Veterinária na UFMG.
Mas foi na pandemia que ele desenvolveu sua paixão pelos livros, transformando em uma atividade profissional e da qual já tem rendimentos nas redes sociais. “Sempre fui apaixonada por livros, desde pequena. Comecei com Monteiro Lobato, passei para Harry Potter e hoje leio de tudo um pouco”, disse a nossa reportagem a jovem talentosa que agora concilia os estudos e as redes sociais.
Ela criou um perfil no instagram batizado de “ Leitura Anônima” sem grandes pretensões. O que era um hobby aos poucos se transformou uma atividade profissional. Em um ano, ele alcançou mais de 10 mil seguidores.
“Com as aulas suspensas e em quarentena, minha ansiedade piorou muito e o Instagram foi a forma que eu encontrei para controlá-la”, explicou Luciolli.


Do anonimato, veio o resultado surpreendente: ela ficou famosa no Brasil. Hoje, frequentemente já é contratada por escritores, artistas e poetas independentes para produzir resenhas de indicações de livros e postar nas redes socais em lives e comentários
“Era algo só meu, que eu não havia compartilhado com quase nenhum conhecido, por isso o “Anônimo” no nome do perfil. Depois de alguns meses percebi que eu realmente gostava de tudo o que Instagram proporcionava. Me incentivou a ler mais, estudar sobre escrita, marketing digital e fotografia. Descobri que poderia transformar essa paixão em uma fonte de renda e foi isso que fiz. Hoje, o Leitura Anônima é mais que um hobby: é meu trabalho e sou apaixonada por ele”, relatou.
Com os recursos ganhos nas redes sociais, ele investe em novos equipamentos para melhorar e aprimorar suas lives.
Hoje ela concilia as duas atividades e pretende seguir nesta trilha conjunta. “Minha intenção é entrar para o IBAMA e continuar mantendo minha paixão pela literatura”, finalizou.

Mais lidas