Ônibus da presidente quebra na primeira viagem e deixa passageiros na mão

13

Passageiros da Viação Presidente mais uma vez ficam na mão durante o percurso. Na mão não, no ponto ou fora deles aguardando outro coletivo para prosseguir o itinerário.

Conforme informações, um ônibus que fazia a linha bairro São João/Santa Terezinha no horário de 06h da manhã desta quarta-feira (05/09) apresentou um defeito que o impossibilitou de seguir o trajeto quando passava pela rua Alfredo Zebral, no bairro São João.Diversos passageiros reclamaram que perderiam seus compromissos devido à falta de respeito da empresa com os clientes. Trabalhadores, estudantes e aposentados queixaram da situação. “Agora nem sei que horas irei sair do banco onde recebo o meu pagamento, pois quando eu chegar lá, a fila já vai estar enorme” disse uma aposentada. Não dá para confiar no horário destes ônibus, más não tenho como sair mais cedo, esta é a terceira vez que vou chegar atrasado ao serviço por causa de defeito do ônibus, reclamou outro passageiro. Passageiros que iam até o centro tiveram a alternativa de seguirem em outro ônibus de itinerário diferente, enquanto aqueles que seguiriam até o bairro de destino, ou seja, Santa Terezinha tiveram que aguardar mais de trinta minutos para seguir a viagem.
As reclamações são várias, passageiros que precisavam chegar ao terminal rodoviário intermunicipal no horário da sua viagem para outros municípios também reclamaram do atraso, sem contar aqueles que aguardavam o coletivo que não chegava ao ponto em seu horário rotineiro.

​Fica aí mais um registro da indignação dos passageiros em relação, como eles mesmos disseram “A falta de respeito para com os clientes e manutenção da frota da empresa”.

Fonte: AFX notícias

Leia mais: Ônibus da Presidente quebra e faz idosa perder sessão de fisioterapia: “peço as autoridades que tomem providências”, desabafa

Descaso com usuário: vidro de proteção da escada da porta de ônibus da Presidente solta e fere passageira

Viação Presidente: ônibus estraga e passageiros seguem a pé até o destino final