Polícia Militar fecha abatedouro clandestino em Belo Vale

222
ABATE
A carne foi apreendida e inutilizada pela secretaria de agropecuária de Belo Vale/Foto:Divulgação

Em atendimento a denúncia, a Polícia Militar da atividade do Meio Ambiente do 4º Pelotão de Meio Ambiente e Trânsito de Conselheiro Lafaiete compareceu na tarde desta quarta-feira (02) na localidade da Gameleira, zona rural, município de Belo Vale, onde estaria ocorrendo abate clandestino de gado bovino. Durante a fiscalização, na propriedade a PM deparou com os autores de 36 e 22 anos na abatendo um animal que se encontrava em condições de desossa. Os autores relataram que abatiam 4 (quatro) animais por semana para um açougue na cidade de Moeda.

Durante a fiscalização, ainda foi verificado a existência de 10 (dez) porcos que seriam abatidos com utilização de marreta, caracterizando maus tratos aos animais, e uma talha nos fundos da propriedade onde os animais são pendurados para retirada do couro e separação das partes. Foi determinada a suspensão das atividades no local. Prisão dos autores e apreensão da carne que foi inutilizada pela secretaria de agropecuária de Belo Vale.