Polícia prende pai que teria estuprado a própria filha após reprimir seu namoro

8
Autor presta depoimento neste momento após ser preso pelos policiais civis
Autor presta depoimento neste momento após ser preso pelos policiais civis

Foi preso hoje pela manhã no bairro Angélica, pelos policiais civis, o pai suspeito de estuprar a própria filha. Neste momento ele está prestando depoimento na delegacia.

Segundo informações na manhã de segunda-feira, dia 30 de julho, o acusado, C. L A., de 33 anos, residente no bairro Jardim das Flores em Lafaiete, foi apontado por sua esposa de abusar sexualmente da própria filha do casal, uma adolescente de 14 anos.

A filha do casal contou que o pai entrou em seu quarto na manhã e a reprimiu dizendo que não concordava com o seu namoro. Durante a repressão ele indagou a filha sobre o seu relacionamento com o namorado e em seguida a agarrou retirando a sua roupa a força, consumando o estupro.
Após o ato, disse que ela poderia continuar o relacionamento com a condição de manter relações sexuais com ele e se ela contasse o ocorrido mataria ela e a sua mãe.

Ao tomar  conhecimento do estupro, a genitora da adolescente acionou a Polícia Militar que durante o dia inteiro realizou intenso rastreamento ao acusado, sendo obtido apenas a informação que ele esteve no seu local de trabalho pela manhã, no bairro Santa Cruz, avisando que não iria trabalhar porque tinha uma pendência para resolver e não mais retornou.