Presidente da Associação Comercial faz críticas e cobra gestão: não adianta ficar pintando meio fio se a população está desassistida na saúde

Uma voz distoante, mas que serve de alerta de forma propositiva. O Presidente da Associação Comercial, Industrial, Serviços e Agropecuária de Conselheiro Lafaiete (ACIAS), Leandro Chagas, deixou o tom comodista e adesista e fez duras críticas a gestão municipal. Parceira de primeira hora do atual Prefeito Mário Marcus (União Brasil), a entidade sempre esteve a frente de diversos projetos, porém a jovem liderança empresarial não se curvou ao momento da administração. “As críticas não são às pessoas mas a gestão. Mas não me intimido. Precisamos ter coragem para pontuar os problemas e propor soluções. Então, não posso me omitir”.

Entre diversas críticas pontuais que foram ao ar em um programa de Rádio “Estrada Real FM”, em uma entrevista com o apresentador Marcão, Chagas cobrou gestão, capacidade gerencial, coragem e inovação.

Ao deixar o tom amistoso, Leandro citou a falta qualificação no comando das secretarias e cargos de confiança. Para ele, a escolha dos gestores das pastas deve ter o critério técnico. “Acredito que precisamos investir em treinamento de nossos gestores para buscar a excelência do serviço prestado”, cutucou forma elegante.

Mas o principal foco foi a desorganização da área saúde. “Temos uma saúde frágil, postos de saúde sem médicos e um estrutura que deixa a desejar e profissioanais sem um ambiente propício de trabalho. Já foram 4 secretários a frente da pasta e população continua desassistida. Precisamos urgente de solução e povo não pode mais continuar vivenciado esta situação de implorar por serviços na saúde. A gente presencia as pessoas suplicando por um atendimento. Infelizmente nossa atenção básica é frágil e superlota a policlínica”, assinalou, cobrando urgências nas reformas de postos e PSF’s.

Em outro ponto, Leandro citou a greve dos servidores e defendeu um alinhamento com a categoria. “Temos que entender que um aumento salarial repercute na economia”. “Precisamos de especialistas e técnicos no comando das pastas e em postos chaves”, sugeriu. Leandro acredita que faltando ainda um ano e meio para o término do mandato, espera uma guinada no governo. “Não posso continuar aceitando um meio pintado e povo desassistido na saúde. As obras são importantes mas precisar ter um olhar de carinho com nossa população”, criticou.

Ao finalizar a entrevista, ele também assinalou ao que chamou de perda do protagonismo de Lafaiete na realização de festas. “Eu parabenizo os empreendedores pela coragem de promover festas na cidade de forma pontual. Mas precisamos resgatar a prefeitura como produtora de eventos maiores como a Expolaf, a Festa do Cavalo e outras. Ficamos para trás neste quesito. Temos que enxergar as festas além do entretenimento, mas seu impacto na economia, nos salões de beleza, nos bares, nas lojas, etc.  Estes eventos impactam na cadeia produtiva”.

Leia na íntegra a entrevista.

about

Be informed with the hottest news from all over the world! We monitor what is happenning every day and every minute. Read and enjoy our articles and news and explore this world with Powedris!

Instagram
© 2019 – Powedris. Made by Crocoblock.