Veja as profissões que pagam mais de R$15 mil por mês

Muitos estudantes buscam profissões que oferecem salários mais altos, como forma de garantir estabilidade financeira e qualidade de vida

 

FONTE DOL

Meia idade: veja os setores que mais contrataram pessoa acima de 50 anos

Encontre seu próximo trabalho com estas 10 opções de carreira que reconhecem o potencial e a dedicação dos trabalhadores acima de 50 anos.

Com o aumento da expectativa de vida e mudanças no panorama econômico, o conceito de aposentadoria está passando por uma metamorfose significativa. Para muitos profissionais com mais de 50 anos, a ideia de parar de trabalhar não é mais uma realidade atrativa.

Pelo contrário, muitos estão buscando oportunidades para continuar contribuindo com suas habilidades e experiência no mercado de trabalho.

Dessa forma, é importante conhecer as profissões que abrem as portas para esses profissionais maduros, reconhecendo não apenas suas necessidades, mas também o valor que podem agregar às diversas áreas de atuação.

De acordo com levantamento realizado pelo Portal Meu Valor Digital, com base em dados do eSocial/CAGED de março de 2024, as profissões que mais contrataram pessoas com idade acima de 50 anos foram as seguintes:

10 cargos que mais empregam profissionais na faixa etária de 50 anos

Faxineiro

Em primeiro, com 177.386 admissões, o trabalho de faxineiro é uma opção acessível para profissionais com mais de 50 anos. Além disso, oferece estabilidade com um salário médio de R$ 1.508,60 em uma carga horária de 43 horas semanais.

A natureza do trabalho permite uma transição suave para aqueles com experiência em diversas áreas, enquanto proporciona um senso de propósito ao manter ambientes limpos e organizados.

Motorista de caminhão

Com 94.727 admissões, ser motorista de caminhão oferece uma oportunidade estável e financeiramente recompensadora para pessoas acima dos 50 anos. Ademais possui um salário médio de R$ 2.352,44 em uma carga horária de 44 horas semanais.

A experiência e as habilidades desenvolvidas ao longo dos anos podem ser vantagens consideráveis nesse campo, especialmente na gestão de rotas e no cumprimento de prazos.

Pedreiro

Com 75.298 admissões, a profissão oferece uma renda atrativa, com um salário médio de R$ 2.213,53 em uma carga horária de 44 horas semanais.

Pessoas com mais de 50 anos são valorizados pela sua experiência e conhecimento prático na construção civil, desempenhando um papel fundamental em projetos de construção e reforma.

Servente de obras

Com 62.878 admissões, o trabalho como servente de obras proporciona estabilidade financeira, com um salário médio de R$ 1.621,51 em uma carga horária de 44 horas semanais.

Trabalhadores mais velhos são valorizados por suas habilidades técnicas e comprometimento com a qualidade, sendo peças-chave em projetos de construção e manutenção.

Com 44.064 admissões, ser alimentador de linha de produção oferece uma oportunidade estável, com um salário médio de R$ 1.731,38 em uma carga horária de 44 horas semanais.

Profissionais mais experientes podem se destacar nessa função devido à sua habilidade em lidar com processos industriais, mantendo a eficiência e qualidade da produção.

Cozinheiro

Com 41.539 admissões, a profissão de cozinheiro geral proporciona uma fonte de renda estável, com um salário médio de R$ 1.683,44 em uma carga horária de 43 horas semanais.

Trabalhadores com mais de 50 anos podem se destacar na cozinha devido à sua vasta experiência culinária e capacidade de lidar com diferentes demandas gastronômicas.

Auxiliar nos serviços de alimentação

Com 37.322 admissões, ser auxiliar nos serviços de alimentação oferece uma oportunidade de emprego estável, com um salário médio de R$ 1.589,59 em uma carga horária de 43 horas semanais.

Profissionais maduros são valorizados por sua habilidade em lidar com o público e manter a eficiência operacional em restaurantes, cafeterias e outros estabelecimentos de alimentação.

Vendedor

Com 37.190 admissões, a profissão de vendedor continua sendo uma opção acessível para pessoas acima dos 50 anos, oferecendo um salário médio de R$ 1.785,45 em uma carga horária de 43 horas semanais.

Pessoas com experiência podem destacar-se nesse campo devido à sua habilidade em construir relacionamentos com clientes e fechar negócios.

Porteiro

Com 36.567 admissões, ser porteiro oferece estabilidade financeira, com um salário médio de R$ 1.679,14 em uma carga horária de 42 horas semanais.

Os trabalhadores mais experientes são valorizados por sua capacidade de garantir a segurança e o bom funcionamento de edifícios residenciais, comerciais e institucionais.

Trabalhador agropecuário

Com 26.636 admissões, o trabalho como trabalhador agropecuário oferece uma oportunidade estável no campo, com um salário médio de R$ 1.707,02 em uma carga horária de 44 horas semanais.

Profissionais mais experientes são essenciais para garantir a eficiência e sustentabilidade das operações agrícolas e pecuárias.

 

FONTE MUNDO EM REVISTA

Confira os melhores cursos para quem não sabe qual profissão seguir

Atualmente, há cursos em diversas áreas

Lembre-se de que a chave para uma escolha profissional bem-sucedida reside na combinação entre o conhecimento de si mesmo e a compreensão das oportunidades que o mercado de trabalho oferece. Portanto, esteja aberto a experimentar, aprender e evoluir constantemente. Sua profissão perfeita pode estar apenas a um curso de distância.

FONTE PENSAR CURSOS

Trabalho com propósito: 5 carreiras promissoras para quem se interessa por sustentabilidade

Ascensão do mercado ESG representa oportunidade para queles que desejam contribuir para avanços sociais e ambientais no dia a dia profissional; veja algumas delas

O conceito de desenvolvimento sustentável está cada vez mais presente nas discussões globais sobre o futuro do trabalho. Não à toa, o termo ESG, que engloba questões ambientais, sociais e de governança corporativa, virou o centro das discussões entre investidores e CEOs – e já se tornou prioridade para 95% das empresas brasileiras, segundo dados da Aberje.

Nesse contexto, estão surgindo inúmeras oportunidades de carreira para aqueles que buscam maior senso de propósito no âmbito profissional e que sonham em encontrar um emprego que alie boas remunerações e estabilidade financeira à possibilidade de contribuir para avanços sociais e ambientais significativos. E o melhor: as oportunidades estão em diferentes setores – do agronegócio à moda sustentável. Veja algumas delas abaixo.

5 profissões para trabalhar com sustentabilidade

1. Engenheiro Ambiental

Os engenheiros ambientais desempenham um papel crucial na proteção e conservação do meio ambiente. Eles trabalham em uma variedade de setores, incluindo gestão de resíduos, controle de poluição e desenvolvimento sustentável de recursos naturais.

faixa salarial deste profissional no Brasil hoje fica entre R$ 7.474  e R$ 17.731,02,  de acordo com o site salario.com.

2. Gestor de Sustentabilidade Corporativa

Com o aumento da pressão pública e regulatória sobre as empresas para operarem de forma mais sustentável, a demanda por gestores de sustentabilidade corporativa (o Gestor ESG) está em alta. Esses profissionais são responsáveis por desenvolver e implementar estratégias que reduzam o impacto ambiental e promovam práticas socialmente responsáveis dentro das organizações.

Segundo as informações mais recentes do Guia Salarial da Robert Half, a faixa salarial de um gestor de ESG vai de  R$ 16 a R$ 22 mil mensais.

3. Analista de Investimentos ESG

Quem pensa que o setor financeiro não conversa com questões sociais e ambientais está enganado. Cada vez mais, investidores olham para as práticas ESG das organização antes de alocar recursos e montar seus portfólios — o que faz das finanças sustentáveis um ótimo nicho para profissionais de economia, contabilidade, administrarão e finanças.

Os analistas de investimentos ESG avaliam o desempenho das empresas em relação aos critérios ambientais, sociais e de governança. Eles fornecem insights valiosos para investidores interessados em colocar seu dinheiro em empresas que demonstrem um compromisso genuíno com a sustentabilidade.

4. Profissional de Moda Sustentável

Com a crescente conscientização sobre os impactos negativos da indústria da moda no meio ambiente, há uma demanda por profissionais com conhecimentos em ESG no setor. Grosso modo, um profissional de moda sustentável trabalha para garantir que a moda seja produzida e consumida de forma ética, respeitando o meio ambiente, os direitos dos trabalhadores e as necessidades das gerações futuras. Isso envolve uma abordagem holística que abrange todas as etapas da cadeira de produção, desde o design até o descarte dos produtos.

5. Engenheiro agrônomo

A pressão por um olhar mais cuidadoso com o meio ambiente também  é grande no agro — que carece de profissionais capacitados em ESG para conseguir responder às novas demandas da sociedade.

Nesse cenário, o engenheiro agrônomo é uma peça chave. Esses profissionais trabalham no desenvolvimento e implementação de práticas agrícolas que visam reduzir o impacto ambiental da produção agrícola, promovendo ao mesmo tempo a eficiência e a rentabilidade das atividades. Eles podem estar envolvidos em projetos que utilizam técnicas de conservação do solo, gestão integrada de pragas, manejo sustentável da água e implementação de sistemas agroflorestais.

Além disso, podem auxiliar os produtores na transição para métodos de cultivo orgânicos ou agroecológicos, que minimizam o uso de agroquímicos e promovem a biodiversidade.

ESG, Carreira e Impacto

Diante do aumento de oportunidades impulsionadas pelo ESG – e ciente da necessidade de qualificar a força de trabalho atual para aproveitá-las – a EXAME apresenta a terceira edição do Workshop ESG: Carreira e Impacto.

O treinamento é composto por quatro aulas práticas, que também abordam teoria e estudos de casos de sucesso do mercado de maneira aprofundada. A carga horária total é de 3 horas, distribuídas entre três aulas de 40 minutos cada uma e uma masterclass ao vivo com 1 hora de duração, ministrada pela executiva Renata Faber. Os participantes que concluírem todas as aulas recebem um certificado para incluir no currículo.

Durante o período de lançamento, o curso está sendo ofertado com condições especiais: além do workshop, os compradores também garantem acesso a um ano de assinatura da EXAME digital e ao livro digital “ESG: O guia completo para empresas e profissionais”. Tudo isso por apenas R$ 37, o que representa uma redução de 87,5% em relação ao preço original, que é de R$ 297.

 

FONTE EXAME

5 profissões bombando em 2024 que pagam mais de R$ 20 mil

As profissões que estão bombando em 2024 e que pagam altos salários devem estar no radar de quem ainda não se decidiu sobre a escolha da carreira.

No cenário econômico que está em constante evolução, algumas profissões se destacam como verdadeiras tendências no mercado de trabalho, oferecendo não apenas excelentes oportunidades, mas também remunerações significativas.

Por isso, selecionamos cinco carreiras que estão bombando em 2024 e pagam salários acima de R$ 20 mil mensais.

Se você acabou de se formar no Ensino Médio e está indeciso sobre a escolha da sua futura carreira ou simplesmente procura uma recolocação profissional, acompanhe-nos até o fim da leitura para conhecer os cargos que prometem um futuro promissor.

Profissões bombando em 2024

1. Cientista de Dados

Um Cientista de Dados é o profissional responsável por coletar, analisar, interpretar e gerir um imenso volume de informações extraídas da internet com o objetivo de obter insights que podem ser úteis na tomada de decisões das empresas.

Ele precisa combinar as suas habilidades nas áreas de Programação, Estatística, Matemática e Inteligência Artificial para resolver problemas complexos.

Empresas do ramo de Tecnologia, Telecomunicações, Finanças, bem como startups e bancos digitais, são as principais contratantes do mercado.

O salário mensal, segundo o site Glassdoor, pode chegar a R$ 23,3 mil, dependendo das competências técnicas, bagagem curricular e porte da organização.

2. Engenheiro de Dados

O  Engenheiro de Dados desempenha um papel fundamental na gestão e otimização do ciclo de vida dos dados em uma organização.

Ele é o responsável por projetar, construir e manter sistemas de processamento de dados e infraestruturas de armazenamento que viabilizem o fluxo eficiente das informações.

Se você tem afinidade com essa promissora área, gosta de Ciências Exatas e de lógica de programação, pode se dar bem financeiramente. Empresas do ramo de Tecnologia sempre têm vagas em aberto para esse cargo.

Segundo o site Catho, a remuneração mensal de um Engenheiro de Dados pode chegar a R$ 25,2 mil, dependendo das suas habilidades na função, tempo de experiência e porte da organização contratante.

3. Cirurgião Plástico

Essa é uma das profissões mais prestigiadas do mercado. O Cirurgião Plástico realiza cirurgias estéticas e reconstrutivas para melhorar a aparência física ou corrigir deformidades, e avalia pacientes para determinar a viabilidade e os objetivos da cirurgia.

Ademais, esse profissional desenvolve planos de tratamento personalizados com base nas necessidades e desejos do paciente, além de realizar procedimentos cirúrgicos com precisão e segurança, seguindo os protocolos médicos adequados.

Quem tem familiaridade com a área de Medicina e está disposto a estudar bastante, essa carreira é bastante promissora e possui uma alta demanda.

De acordo com o site salario.com.br, os ganhos mensais de um Cirurgião Plástico podem ultrapassar os R$ 30 mil, dependendo do seu nível de experiência, das competências na função, do número de cirurgias realizadas no mês e da cidade.

4. Gerente de Planejamento e Análise Financeira

O Gerente de Planejamento e Análise Financeira exerce um papel fundamental na orientação das atividades financeiras de uma organização, atuando como peça-chave para o desenvolvimento e implementação de estratégias robustas em relação às finanças empresariais.

Na verdade, essa função é vital para o sucesso de uma empresa em seu mercado de atuação. Se você gosta da área de Finanças e está pensando em se graduar no curso Economia, pode investir nesse objetivo.

A remuneração mensal de um Gerente de Planejamento e Análise Financeira com mais de dez anos de experiência e que trabalha em uma multinacional, por exemplo, pode chegar a R$ 27,4 mil, segundo o site Glassdoor.

5. Diretor de Serviços

Esse profissional é o responsável por liderar uma equipe dedicada à prestação de serviços de alta qualidade aos clientes de uma organização, garantindo que as expectativas sejam atendidas ou até mesmo superadas.

O objetivo, claro, é promover a satisfação do cliente e a inovação na oferta de serviços. Em algumas empresas, o Diretor de Serviços também pode ser responsável pela gestão de relacionamentos com clientes importantes e identificação de oportunidades de expansão dos negócios.

Quem acha que tem as competências comportamentais para atuar nessa função com maestria, poderá ter um salário de até R$ 24,6 mil por mês, de acordo com o site Indeed.

 

FONTE CONCURSOS NO BRASIL

Confira as melhores profissões para quem passou dos 50 anos

Há profissões disponíveis em diversas áreas

Além disso, a área administrativa do setor de saúde também apresenta oportunidades, como gestão de clínicas e hospitais, onde habilidades de liderança e administração são primordiais. A expertise adquirida em outras carreiras pode ser facilmente útil para esses papéis, oferecendo uma nova perspectiva para a gestão da saúde.

A consultoria em saúde é outra profissão promissora para quem tem mais de 50 anos. Profissionais com vasta experiência podem oferecer seus conhecimentos para melhorar processos, políticas e a qualidade do atendimento em instituições de saúde, desempenhando um papel crucial na otimização dos serviços prestados.

Consultoria e freelancer

A consultoria e o freelancer surgem como opções acessíveis para profissionais nessa faixa etária, dada a liberdade e a oportunidade de aplicar seus conhecimentos acumulados em benefício de diferentes organizações. Especialistas em áreas como finanças, marketing, gestão empresarial e tecnologia da informação podem encontrar um nicho valioso oferecendo serviços de consultoria.

O trabalho independente permite ainda que o profissional gerencie seu próprio tempo, escolhendo projetos que estejam alinhados com seus interesses e objetivos de vida. Essa modalidade de trabalho favorece o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional, aspecto especialmente valorizado por quem tem mais de 50 anos.

Além disso, o freelancer pode servir como uma porta de entrada para novos campos de atuação, permitindo ao profissional construir um portfólio diversificado e adquirir experiência em áreas até então desconhecidas, aumentando suas chances de sucesso em futuros profissionais empreitados.

Principais profissões para os acima de 50 – educação e treinamento

A educação e o treinamento representam áreas onde a experiência de vida e a maturidade são ativos inestimáveis. Profissionais com mais de 50 anos podem contribuir significativamente como educadores, professores, mentores ou instrutores, compartilhando não apenas conhecimento técnico, mas também lições valiosas aprendidas ao longo de suas carreiras.

Além do ensino tradicional, existem oportunidades de coaching e desenvolvimento pessoal, onde a capacidade de orientar e inspirar pessoas a alcançarem seus objetivos pode fazer uma grande diferença. A transmissão de habilidades de liderança, gestão de tempo e resolução de conflitos são apenas alguns exemplos de como a experiência pode ser transformada em ensinamentos valiosos.

O setor corporativo também demanda profissionais capacitados para conduzir treinamentos e workshops para equipes, focando no desenvolvimento de habilidades específicas ou na promoção da cultura organizacional. Essa é uma excelente oportunidade para profissionais experientes deixarem um legado positivo, influenciando a próxima geração de líderes e contribuindo para o sucesso das organizações.

Principais profissões para os acima de 50 – empreendedorismo e propriedade de empresas

O empreendedorismo surge como uma opção viável e estimulante para muitos profissionais que atingem os 50 anos com um desejo de criar algo próprio. A experiência acumulada ao longo dos anos oferece uma base sólida para a construção de um negócio bem sucedido, seja ele uma startup inovadora ou uma pequena empresa local.

A propriedade de empresas permite ao indivíduo aplicar de forma prática todo o conhecimento adquirido, além de enfrentar novos desafios que estimulam o crescimento pessoal e profissional. Esta jornada, embora possa apresentar obstáculos, é também repleta de recompensas, como a autonomia na tomada de decisões e a satisfação de ver um projeto próprio florescer.

Indivíduos nesta faixa etária também têm a vantagem de possuir uma rede de contatos extensa, o que pode facilitar o acesso a recursos, parcerias e oportunidades de mercado. Além disso, a maturidade emocional e a resiliência desenvolvidas ao longo dos anos são atributos essenciais para navegar nas incertezas típicas do empreendedorismo.

Recursos e programas para transição de carreira após os 50

A transição para uma nova carreira após os 50 anos pode ser facilitada por uma série de recursos e programas projetados especificamente para atender às necessidades de profissionais maduros. Muitas organizações e instituições de ensino oferecem cursos, workshops e seminários focados em habilidades contemporâneas, tais como marketing digital, gestão de projetos e análise de dados.

Além disso, existem programas de mentoria e coaching que oferecem orientação personalizada, ajudando o indivíduo a navegar pelas mudanças com confiança e estabelecendo objetivos claros para sua nova carreira. Esses recursos não apenas atualizam o profissional sobre as tendências atuais, mas também ampliam sua rede de contatos e aumentam suas chances de sucesso.

Plataformas de aprendizado online

Outra opção são as plataformas de aprendizagem online, que oferecem flexibilidade para que o profissional estude no seu próprio ritmo, conciliando a educação continuada com outras responsabilidades. Essas plataformas abrangem uma vasta gama de tópicos, desde habilidades técnicas específicas até desenvolvimento pessoal e liderança.

Ao abraçar as possibilidades que esta fase da vida oferece, profissionais maduros podem descobrir não apenas novas carreiras, mas também novos aspectos sobre si mesmos. Com uma atitude certa, os recursos adequados e uma dose saudável de determinação, a transição de carreira após os 50 anos pode ser uma aventura gratificante, marcando o início de um capítulo vibrante e produtivo na vida de um indivíduo.

Portanto, independente da idade, o potencial para desbloquear novas oportunidades é vasto. O segredo é manter a curiosidade viva, estar disposto a se adaptar e, acima de tudo, acreditar na capacidade de reinvenção. A segunda metade da vida pode ser, de fato, o momento perfeito para embarcar em uma nova jornada profissional, repleta de realização e sucesso.

 

FONTE PENSAR CURSOS

As 8 profissões reconhecidas como as mais felizes do mundo

Apesar de termos cada vez mais problemas com o trabalho, cada vez mais insatisfação profissional, existem profissões extremamente felizes

Você é feliz no seu trabalho? A felicidade é algo muito individual, mas o que se percebe é um número cada vez maior de insatisfação no trabalho, seja devido ao aumento de estresse, as cobranças exageradas para bater metas, os salários baixos, muitas dessas questões acaba criando um sentimento indesejado quanto ao trabalho.

Mas se de um lado temos pessoas cada vez mais infelizes com o seu trabalho, tendo que trabalhar apenas por obrigação, devido às contas para pagar, devido à família, existe um seleto grupo de pessoas que trabalham nas profissões reconhecidas como as profissões mais felizes do mundo.

Talvez você se pergunte, o que faz com que uma profissão se torne mais feliz do que outra? A resposta é mais simples do que se imagina e está atrelada na satisfação de sentir que está fazendo algo importante, além de, claro, não precisar com todos os problemas de cobranças, insatisfações que a maioria das pessoas lida.

Profissões mais felizes do mundo

Uma pesquisa muito interessante realizada pela Universidade de Chicago, com o apoio de diversos psicólogos do trabalho, conseguiu identificar quais são as profissões mais felizes do mundo, profissões essas que você vai conhecer agora:

1. Clero: Pessoas que servem como membros do clero muitas vezes relatam uma grande satisfação pessoal ao viver de acordo com seus valores e crenças, além de ajudarem os outros e terem um forte senso de comunidade e pertencimento.

2. Bombeiro: A natureza heroica do trabalho dos bombeiros, que salvam vidas e ajudam pessoas em momentos de risco, pode trazer um sentido profundo de propósito e realização. Além disso, o forte camaradagem entre colegas cria um ambiente de trabalho de apoio mútuo.

3. Fisioterapeuta: Fisioterapeutas têm a oportunidade de impactar positivamente a qualidade de vida de seus pacientes, ajudando-os a recuperar movimentos e aliviar a dor. A gratificação de ver pacientes progredirem costuma ser uma fonte significativa de alegria.

4. Escritor: A escrita oferece uma forma de expressão criativa e a chance de tocar a vida das pessoas através das palavras. Muitos escritores desfrutam da liberdade e flexibilidade de criar seus próprios horários e trabalhar independentemente.

5. Professor de educação especial: Professores de educação especial trabalham diretamente com alunos que têm necessidades diversas, e a capacidade de fazer uma diferença significativa na vida dos seus alunos se torna algo extremamente gratificante.

6. Professor: Apesar dos desafios enfrentados no Brasil, em muitos lugares do mundo, professores recebem reconhecimento e valorização pela sua contribuição à educação e desenvolvimento dos jovens. O impacto de moldar as gerações futuras pode ser uma fonte de grande satisfação.

7. Artista plástico: Artistas têm a vantagem de trabalhar com paixão, explorando sua criatividade e expressando-se de maneiras que podem ser tanto pessoalmente satisfatórias quanto apreciadas por outros.

8. Psicólogo: Psicólogos ajudam as pessoas a superar desafios emocionais e mentais, o que pode proporcionar uma profunda sensação de propósito ao ajudar outros a viver vidas mais felizes e plenas.

Como encontrar a felicidade no meu trabalho?

Encontrar a felicidade no seu trabalho envolve um profundo autoconhecimento, além da possibilidade de criar um ambiente de trabalho mais agradável, leve, colocando seus valores como destaque. O primeiro passo é refletir sobre o seu trabalho, ajuste suas expectativas e alinhe suas metas de carreira com esses valores.

Muitas vezes estamos infelizes com o trabalho porque estamos estagnados, mas se você não fizer nada de diferente, não tem como nada de diferente acontece. Tente criar um bom ambiente de trabalho, um bom relacionamento com seus colegas de trabalho e seu chefe, releve um pouco as cobranças, abra sua mente e pense que aquilo não vai te afetar.

Adicionalmente, a felicidade no trabalho muitas vezes deriva de um senso de competência e realização. Para isso, é importante buscar oportunidades de desenvolvimento profissional e desafios que permitam a você aplicar e ampliar suas habilidades.

Investa no seu aprendizado e adaptabilidade para abrir portas para novas e recompensadoras experiências no trabalho. Além disso, aprenda a estabelecer limites saudáveis, evitando a exaustão e permitindo que você tenha tempo para se dedicar a outras paixões e interesses fora do trabalho.

A felicidade no trabalho não é apenas sobre o trabalho em si, mas sobre como ele se encaixa no quadro mais amplo da sua vida e contribui para a sua visão geral de bem-estar.

10 profissões bem pagas e que não sofrem com falta de trabalho

Conheça 10 profissões que oferecem salários altos e muitas oportunidades de emprego no mercado de trabalho. Veja aqui!

No cenário profissional atual, a busca por equilíbrio entre salários atrativos e estabilidade no emprego é um objetivo de muitos. Algumas profissões não apenas oferecem bons rendimentos, mas também têm um mercado abundante em oportunidades.

Dentre essas profissões, destacam-se aquelas que não só oferecem salários elevados, mas também têm uma demanda crescente por profissionais capacitados em cada área.

Profissões de sucesso: bons salários e alta demanda

Desenvolvedor de Software

A busca por profissionais qualificados em desenvolvimento de software está em crescimento constante. Com a digitalização cada vez mais presente, empresas buscam pessoas capazes de inovar e criar soluções eficientes. A flexibilidade da carreira permite atuar como freelancer, em startups ou grandes empresas, com salários que podem chegar a R$ 15 mil mensais.

Engenheiro de Dados

A engenharia de dados é uma área em expansão, com grande demanda por profissionais capacitados em construir e gerenciar pipelines de dados. Esses profissionais transformam dados brutos em informações valiosas para as empresas, com salários variando de R$ 10 mil a R$ 20 mil por mês.

Especialista em Big Data

A enorme quantidade de dados gerados diariamente abre oportunidades para especialistas em Big Data. Eles analisam e interpretam esses dados, fornecendo insights para decisões estratégicas nas empresas. A remuneração pode chegar a R$ 25 mil por mês.

Analista de Cibersegurança

Com o aumento dos ataques cibernéticos, a segurança da informação se tornou prioridade. O papel do analista de cibersegurança é fundamental para proteger sistemas e dados contra invasões e malwares, com profissionais experientes podendo receber até R$ 20 mil mensais.

Médico

A medicina, uma profissão tradicional, continua oferecendo bons salários e perspectivas de carreira. Especializações em áreas como cardiologia, oncologia e neurologia podem elevar os ganhos, chegando a R$ 50 mil por mês.

Advogado com Foco em Direito Digital

O crescimento do mundo digital demanda profissionais especializados em leis e regulamentações online. Advogados especializados em direito digital podem atuar em diversas áreas, com salários de até R$ 20 mil por mês.

Psicólogo

A saúde mental é cada vez mais relevante na sociedade atual. Psicólogos têm espaço em consultórios, clínicas, hospitais e empresas, com salários entre R$ 5 mil e R$ 15 mil mensais.

Gerente de Projetos

Profissionais experientes em planejamento, organização e execução de projetos têm espaço em setores variados, com remuneração de até R$ 20 mil por mês.

Analista de Marketing Digital

O marketing digital é essencial para o sucesso de negócios online. Profissionais nessa área gerenciam campanhas, criam conteúdo e analisam resultados, com salários entre R$ 5 mil e R$ 15 mil mensais.

Personal Trainer

No mercado fitness em alta, profissionais qualificados ajudam pessoas a conquistar objetivos de saúde e bem-estar. Personal trainers atuam em academias, studios ou de forma autônoma.

FONTE MUNDO EM REVISTA

12 profissões que devem sofrer com demissões nos próximos anos

O mercado de trabalho está se moldando e se adaptando as novas tecnologias e processos que acabam impactando muitos trabalhadores

O futuro do trabalho para muitos setores é incerto, especulações sobre os novos processos de automação e inteligência artificial que podem substituir muitos trabalhadores, nunca foi tão intenso quanto atualmente, cogitando até mesmo o fim de determinadas profissões.

Além disso, o número de demissões em massa tem crescido exponencialmente, podemos pegar o ano de 2023 que teve um aumento de cerca de 16,7% das empresas do país realizando grandes rodadas de demissões se comparado a 2022, conforme relatório do Ecossistema Great People & GPTW.

Para muitos especialistas, existem diversos fatores que contribuem com esse movimento de grandes demissões, e inevitavelmente o avanço da inteligência artificial é um deles, mas não o único, sendo acompanhado também por pressão dos juros elevados e a reorganização das empresas após a crise da pandemia.

Mas o que se esperar para os próximos anos? Apesar de ser algo difícil de se prever, é possível analisar o mercado atual para termos uma base. Com relação à inteligência artificial, está é inevitável e, trabalhos que podem ser substituídos por máquinas e não exigem a subjetividade humana serão os próximos alvos.

Profissões que podem sofrer grandes demissões

Para os próximos anos, as empresas terão que lidar com pressão da alta dos juros e o aumento dos investimentos em tecnologia, como a inteligência artificial substituindo diversos profissionais, colocando em risco as seguintes profissões:

  1. Caixas
  2. Motoristas
  3. Trabalhadores de call center
  4. Bancário
  5. Operador de telemarketing
  6. Agricultores
  7. Trabalhadores têxteis
  8. Trabalhadores de bilheteria de cinema
  9. Operadores de impressão
  10. Entregadores
  11. Agentes de viagem
  12. Serviços de administração

A crescente adoção de tecnologias digitais e de automação em diversas indústrias tem reconfigurado a demanda por mão de obra, influenciando diretamente o futuro dessas ocupações. A seguir, vamos falar um pouco mais sobre os fatores de risco e as perspectivas futuras.

Fatores de risco

Automatização e inteligência artificial: A tecnologia tem avançado a um ritmo acelerado, com sistemas de IA e robótica tornando-se cada vez mais capazes de realizar tarefas que anteriormente exigiam intervenção humana. Isso inclui desde operações simples, como processamento de transações (caixas e operadores de telemarketing), até tarefas mais complexas envolvendo tomada de decisão e navegação.

Eficiência e redução de custos: Para as empresas, a automação oferece a promessa de maior eficiência e redução de custos, particularmente em termos de salários e benefícios pagos aos empregados. Isso é particularmente relevante em setores com margens de lucro baixas e alta concorrência, onde a economia em custos operacionais pode ser um diferencial competitivo significativo.

Mudanças no comportamento do consumidor: A preferência cada vez maior por soluções digitais e online (por exemplo, e-commerce, serviços de streaming, atendimento automatizado ao cliente) tem diminuído a necessidade de interações humanas em muitos setores. Isso afeta diretamente profissões como trabalhadores de bilheteria de cinema, entregadores e agentes de viagem.

Inovações tecnológicas em setores específicos: No setor agrícola, por exemplo, a implementação de máquinas autônomas e sistemas de monitoramento e análise de culturas via satélite tem potencial para reduzir a necessidade de trabalho manual. De maneira parecida, no setor têxtil, inovações em automação de linhas de produção podem diminuir a demanda por trabalhadores.

Pressões econômicas globais: A globalização e a competição internacional, juntamente com pressões para aumentar a produtividade e reduzir custos, incentivam a implementação de tecnologias de automação. Isso é particularmente verdadeiro em economias com custos de mão de obra mais altos, onde empresas buscam manter sua competitividade global.

Perspectivas futuras e adaptação

Apesar desses riscos, é importante que a gente perceba que a automação e a IA também criam oportunidades para o surgimento de novas profissões e a transformação de empregos existentes. A demanda por habilidades técnicas relacionadas à tecnologia, capacidade de adaptação e competências interpessoais tende a crescer. Além disso, a transição para economias mais verdes e sustentáveis pode gerar novos empregos em setores como energia renovável, eficiência energética e gestão de recursos naturais.

A resiliência no mercado de trabalho frente a essas mudanças dependerá significativamente da capacidade dos trabalhadores de se requalificarem e adaptarem a novas realidades. Políticas públicas voltadas para a educação e formação profissional, bem como iniciativas que promovam a inovação e o empreendedorismo, serão extremamente importantes para mitigar os impactos negativos da automação e garantir um futuro de trabalho inclusivo e produtivo.

 

FONTE MEU VALOR DIGITAL

Sobram vagas! 10 profissões em alta para 2024

Confira as profissões que estão gerando mais empregos em 2024

Em um Brasil em constante movimento econômico, é fundamental ficar por dentro das profissões que estão impulsionando o mercado de trabalho em 2024. Com tantas mudanças acontecendo, é fundamental entender quais são as carreiras que estão ganhando destaque e gerando mais oportunidades de emprego. Por isso, destacamos 10 profissões que estão em alta no mercado de trabalho brasileiro.

10 profissões em alta, com maior empregabilidade em 2024

Consultor de vendas

Como um dos profissionais mais requisitados no mercado, o consultor de vendas tem um papel essencial na expansão dos negócios. Assim, com um salário médio de R$ 1.649,35, esses profissionais são encarregados de identificar oportunidades de vendas, prospectar clientes, apresentar produtos ou serviços e fechar negócios.

Além disso, sua capacidade de comunicação, habilidades interpessoais e conhecimento do produto são essenciais para alcançar metas de vendas e garantir a satisfação do cliente.

Abastecedor de Linha de Produção

Com um salário médio de R$ 1.726,26, o abastecedor de linha de produção trabalha na indústria, garantindo que as linhas de produção funcionem de maneira eficiente e contínua.

Dessa forma, suas responsabilidades incluem abastecer as máquinas com materiais, realizar ajustes simples, monitorar o fluxo de produção e garantir a qualidade dos produtos fabricados. Este profissional desempenha um papel fundamental na otimização dos processos produtivos.

Auxiliar de Limpeza

O salário médio dese profissional é de R$ 1.496,29. Além disso, o auxiliar de limpeza é essencial para manter a higiene e a organização de ambientes diversos, como escritórios, hospitais, escolas e residências. Suas responsabilidades incluem a limpeza de pisos, móveis, banheiros e áreas comuns. Além da remoção de resíduos e da realização de tarefas de apoio à equipe de limpeza.

Ajudante de obras

O ajudante de obras tem um salário médio de R$ 1.608,19 e auxilia na execução de diversas tarefas dentro de um canteiro de obras.

Suas funções podem incluir o transporte de materiais, preparação de argamassas, montagem de andaimes, escavações e outras atividades de apoio aos profissionais da construção civil. Além disso, sua força física e disposição para trabalhar em equipe são características valorizadas neste setor.

Atendente de pedágio

Ganhando em média R$ 1.598,38, o atendente de pedágio desempenha um papel fundamental na operação de praças de pedágio, garantindo o atendimento aos usuários das rodovias de forma eficiente e cordial.

Suas responsabilidades incluem a cobrança de tarifas, o registro de passagem de veículos, o fornecimento de informações aos usuários e o manuseio de valores de forma segura e precisa.

Auxiliar administrativo

Tendo um salário médio de R$ 1.776,85, o auxiliar administrativo oferece suporte nas atividades administrativas de empresas e organizações.

Em geral, seu trabalho inclui o atendimento telefônico, organização de documentos, agendamento de reuniões, elaboração de relatórios e apoio em atividades de recursos humanos, financeiro e logística.

Agente administrativo

Com um salário médio de R$ 2.111,15, o agente administrativo desempenha um papel mais abrangente nas atividades administrativas, podendo assumir responsabilidades como o controle de estoque, elaboração de planilhas, coordenação de equipes, gestão de documentos e apoio na tomada de decisões estratégicas. Este profissional possui um papel chave na organização e funcionamento eficiente de uma empresa.

Atendente balconista

Ganhando cerca de R$ 1.588,29, o atendente balconista trabalha em estabelecimentos comerciais, como lojas, farmácias e padarias. Além disso, trabalha atendendo diretamente os clientes, fornecendo informações sobre produtos, realizando vendas, recebendo pagamentos e mantendo a organização do ambiente de trabalho.

Caçambeiro

Tendo um salário médio de R$ 2.317,81, o caçambeiro é responsável pela operação de caminhões basculantes, utilizados no transporte e descarte de materiais como terra, entulho e resíduos de construção civil. Assim, este profissional realiza o carregamento e descarregamento dos materiais, seguindo procedimentos de segurança e legislação ambiental.

Ajudante de Churrasqueiro

Por fim, o ajudante de churrasqueiro tem um salário médio de R$ 1.569,19 e é ele quem auxilia no preparo e servimento de alimentos em churrascarias e restaurantes especializados.

Suas responsabilidades incluem o corte de carnes, preparação de guarnições, limpeza da área de trabalho e atendimento aos clientes. Este profissional desempenha um papel importante na garantia da qualidade e satisfação dos clientes.

 

FONTE MUNDO EM REVISTA

about

Be informed with the hottest news from all over the world! We monitor what is happenning every day and every minute. Read and enjoy our articles and news and explore this world with Powedris!

Instagram
© 2019 – Powedris. Made by Crocoblock.