Vereadores de Lafaiete vão apurar contrato da Copasa

8
Mais uma vez saúde foi o tema da reunião da Câmara/Arquivo
Há mas de seis anos dura o mau cheiro da ETE Bananeiras/Reprodução

A prestação da concessionária de água e esgoto será alvo de apuração em Lafaiete. Ontem à noite, dia 10, os vereadores Carla Sássi (PSB), Alan Teixeira (PHS), Divino Pereira (PSL), Francisco Paulo (PT), Lúcio Barbosa (PSDB) e Pedro Américo (PT) e Fernando Bandeira (PTB) apresentaram um requerimento em que pedem a criação de uma Comissão Especial para estudo e avaliação do contrato de concessão de serviços da Copasa e sua aplicabilidade no município. A motivação se baseia nas constantes reclamações da população, bem como constatações dos vereadores quanto à ineficiência dos serviços vêm ocorrendo com frequência. Os vereadores criticaram os serviços da Copasa e cobraram investimento na ampliação da captação de água.

As crescentes denúncia de má qualidade dos serviços e descumprimento de prazos já são alvos de pelo menos 6 ações movidas pelo Ministério Público, algumas em fase de execução.

Já o Município também aplicou multas em função do mau cheiro da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), inaugurada há mais de 6 anos, pelo mau cheiro se solução.