29 de maio de 2024 06:03

Maratona Internacional Estrada Real faz história no MTB Sul-Americano e novo conceitos em provas unindo esporte, lazer e negócios

Ouro Branco recebe turistas e atletas e aquece economia local com hotéis lotados; atleta local é bicampeã 

Cerca de 1600 ciclistas participaram da prova

Em apenas duas edições, a Maratona Internacional Chaoyang Estrada Real de Mountain Bike já consolidou-se no cenário esportivo de alto rendimento mundial. O evento faz parte do grupo de provas UCI MARATHON Series da União Ciclística Internacional, com apenas 30 corridas chanceladas ao redor de todo o planeta.

Ouro Branco e sua população fizerão um show a parte, recebendo a todos com carinho e presteza.

No geral, o final de semana de Feriado de Tiradentes foi um sucesso absoluto com a participação de 1.600 ciclistas. Fechando o domingão (22), com muito mountain bike da Maratona Internacional Chaoyang Estrada Real MTB, dividido em 2 percursos: 65 quilômetros com 2.090m de desnível e 44 km no percurso amador.

A prova

Organização coloca prova como uma das mais importantes do Brasil

Os atletas percorreram belíssimos trechos da “Rota do Ouro”, como ficou conhecido os caminhos na Estrada Real usados para escoar a produção de ouro na época do Brasil-Colônia.

A competição foi desafiante para todos os atletas, consagrando o mineiro Bruno Martins Lemes (Corratec Team) que completou os 65km em 2:39:53 minutos.

O pelotão seguiu compacto por apenas sete quilômetros de prova, quando Bruno Lemes atacou e olhando para trás para ver a reação dos outros seguiu firme na fuga. O pelotão não acreditou que o ataque seria bem sucedido e seguiu no seu ritmo. Com isso, Bruno chegou isolado para vencer, seguido do atual campeão espanhol Ismael Ventura (KTM Bikes) e do suiço radicado em Belo Horizonte, Lucas Kaufman (Cannondale Brasil) na terceira colocação.

Feminino

No feminino, a ciclista local Letícia Cândido (Audax Team) fez as honras da casa para assegurar o segundo da Maratona Internacional Chaoyang Estrada Real de MTB.

“Minha prova foi bem consistente, andei forte do início ao fim para ir em busca do título representar da melhor forma minha cidade. O local do evento foi perfeito, trazendo o público para prestigiar a prova. A organização acomodou muito bem todos os atletas e visitantes” comenta Letícia Candido.

Prova passou pelos caminhos e trechos da Rota do Ourona Serra do Ouro Branco

Hotéis lotados

Durante o evento as reservas nos hotéis da cidade se esgotaram. O setor de alimentação recebeu  turistas, equipes e atletas. Diversos atores, envolvidos diretamente ou indiretamente, geram renda e movimentam a economia local.

“Os atletas foram surpreendidos pela super estrutura que montamos na excelente praça de eventos que a cidade de Ouro Branco oferece, assim como o percurso pela Serra do Espinhaço que desafiou a resistência de grandes nomes do MTB nacional e internacional” conta Felipe Avelar, organizador da Avelar Sports que não mediu esforços para assegurar um evento de classe mundial.

Veja resultados completos, acesse www.cronochip.com.br

Novidade no Brasil: transmissão ao vivo e novos negócios

Prova foi transmitida ao vivo com o uso de três helicópteros

A organização da Avelar Sports montou uma estrutura incrível, juntamente com a TV ALTEROSA/SBT, para fincar uma marca na história do MTB Mundial, realizando a primeira transmissão ao vivo de uma corrida de MTB Maratona na América do Sul.

“O saldo foi muito positivo, inscrições esgotadas, a repercussão alcançada, feira de negócios, e a experiência da transmissão nos deixa muito motivados, para colocar nosso esporte no alto nível. Agora seguimos firmes para a cidade de Mariana nos dias 16 e17 de Junho, vamos com tudo, usaremos a mesma estrutura e estaremos ainda mais preparados!” – afirma Felipe Avelar.

Dentre as inovações da Maratona destaque para as quatro horas de transmissão ao vivo feita pela TV Alterosa em Minas Gerais e via Facebook que superou todas as expectativas.

A grande estrutura montada para receber a feira, com opções de lojas de bicicletas, praça de alimentação, área Kids, grandes marcas do mercado e o famoso e importante suporte Neutro da Shimano foram destaques também.

A Maratona Internacional Chaoyang EstradaReal 2018 também organizou uma feira de negócios com a parceria do Sebrae, chamada de agenda de relacionamentos reunindo mais de 30 empresas.

“Não fazemos apenas corridas, nosso negócio é desenvolver o esporte” – define a linha de trabalho da Avelar Sports, que segue firme em seu propósito com total profissionalismo. “Para se fazer algo novo, algo marcante na vida das pessoas, é preciso ter algo a mais que um negócio, precisa de um propósito. E é nesta linha de pensamento que trabalho” –  completa. Felipe Avelar

O EVENTO EM NÚMEROS:

  • 3 Helicópteros R66 Turbine
  • 400 Gradis
  • 2.000 metros quadrados de área coberta
  • 12 Motos
  • 150 Staffs
  • 6 caminhões – unidade móvel, estúdio…
  • 45 Stands
  • Area Kids
  • Estacionamento
  • 4 Quadriciclos
  • 4 Carretinhas
  • 3 Carros de Resgate
  • 2 UTI Móvel
  • 700 Metros de treliça
  • 10 Câmeras
  • 12 Fotógrafos
  • 1 Painel de Led
  • 2 Bebedouros Industriais
  • 200 Cones
  • 400 Cadeiras
  • 100 Mesas
  • Suporte Neutro Shimano

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade