13 de junho de 2024 14:02

Inaugurada há menos de 8 meses, moradores relatam problemas na Geraldo de Plaza

Inaugurada em julho de 2022, a obra de reforma e drenagem da Geraldo Plaza, no Paulo VI, via de interligação de bairros, gera insatisfação entre os moradores. Isso porque poucos meses após a entrega à população, ela já apresentava defeitos como buracos no asfalto, bueiros abertos com risco de acidentes. Ao longo do segundo semestre do ano passado, a obra foi alvo de intensas críticas de vereadores pela sua execução. Orçada em mais de R$4,2 milhões, recursos de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado entre o Ministério Público, Copasa e o Município de Lafaiete, a obra ainda gera dúvidas na qualidade do serviço prestado pela empreiteira.

Na última quinta-feira (9), a convite da associação de bairro, nossa reportagem esteve ao longo e constatou que os problemas persistem como rachaduras no piso e buracos com alagamentos. “O que agente mais esperava é esta rua totalmente reformada e preparada para receber com o grande fluxo de carros e melhorias aos moradores e pedestres”, disse uma moradora. Segundo ela, as inundações diminuíram na via, mas ainda não por completo.

O Vereador Erivelton Jayme (sem partido) disse que pode a qualquer momento apelar ao Ministério Público caso a prefeitura não acione a empreiteira para corrigir os erros. “A obra tem garantir mais cabe mas é o dever da prefeitura cobrar e exigir da empresa os reparos. A Geraldo Plaza, como tantas obras, se transformou em uma novela sem capítulo. Já fiz de tudo a conclusão desta obra, mas com qualidade. Caso contrário foi acionar o Ministério Público para investigar onde estão as irregularidades e responsabilizar os autores”, finalizou. “Vão ter que fazer o asfalto, por que foi mais executada a obra”, pontuou o Vereador André Menezes (PP)

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade