20 de maio de 2024 09:01

CRIME CHOCANTE DE JOVEM CASAL: julgamento de duplo homicídio no Jardim Sol terminou nesta tarde

Terminou agora há pouco o julgamento perante ao Tribunal do Júri do último acusado, de 25 anos, no duplo homicídio ocorrido no dia 8 de maio de 2022 no Bairro Jardim do Sol em Conselheiro Lafaiete (MG). O crime ocorreu em plena comemoração do Dia das Mães e outros 3 suspeitos foram julgados no ano passado, sendo dois condenados e um absolvido.

Pelo julgamento do réu, que estava preso no presídio de Uberlândia, a defesa apresentada pelo Dr. Bruno Reis pediu a absolvição por falta de indícios de autoria. Após o fim dos trabalhos, o Conselho de Sentença absolveu o réu de um homicídio e o condenou em outro, sendo a pena estipulada em 18 anos e 8 meses de prisão.

O júri ficou sob presidência do Juiz de Direito Dr. Gustavo Vargas, o Ministério Público, através do Dr. Ismael Fernando pediu a condenação pelos dois homicídios ocorridos.  Ainda cabe recurso da decisão.

O caso

Um duplo homicídio ocorreu na noite deste domingo 08/05/22 em Conselheiro Lafaiete. O crime ocorreu rua Eli Vieira Gonçalves, bairro Jardim do Sol.

Acionados, policiais estiveram no local, onde depararam com duas vítimas de disparos de arma de fogo, com várias perfurações no corpo. A vítima Bruno Gabriel estava caída ao solo e Mikaellen Rodrigues estava sentada no banco do carona de um automóvel Fiat/Pálio.

Uma equipe do SAMU esteve no local e constatou o óbito das vítimas. A ação criminosa pode ter relação com o tráfico de drogas na cidade. A vítima Bruno Gabriel tinha completado 22 anos em abril, era conhecido como “Coxinha”  e já tinha passagens pela polícia; Já Mikaellen tinha 24 anos.

 

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade