Após localizar macaco contaminado por febre amarela, Congonhas inicia vacinação em massa neste sábado

12

Todos as unidades básicas de saúde de Congonhas (UBS’s) participam, neste sábado, 16, do Dia D da Vacinação contra a febre amarela de 8h às 17h. Esta nova campanha desenvolvida pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, visa a facilitar o acesso da população trabalhadora que tem dificuldade de procurar a vacina no horário de funcionamento das UBS’s. Este é o segundo Dia D do ano e está sendo realizado porque ocorreu a morte de um macaco em decorrência da febre amarela na região próxima a Cruz das Almas. Desde então, todas as equipes de saúde da família estão rastreando as pessoas que ainda não foram vacinadas. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS) e o Programa Nacional de Imunizações, somente uma dose da vacina para a febre amarela durante a vida é suciente para proteção contra esta doença. A única forma de impedir a contaminação pelo vírus é a vacina.

Congonhas promove vacinação contra febre amarela

Congonhas recebeu nova classificação de risco epidemiológico para febre amarela devido a essa confirmação da circulação do vírus nas matas do Município no dia 6 de dezembro. Somente em 2017, cerca de 14 mil doses da vacina foram aplicadas em Congonhas, aumentando a cobertura vacinal da cidade para aproximadamente 94%. Bom lembrar que esta vacina está disponível em todas as unidades básicas de saúde diariamente