Artesãs comemoraram primeira experiência na Feira do Produtor Rural

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
Artesãs comemoraram primeira experiência na Feira do Produtor Rural/Divulgação

Artesãs e artesãos da UNIARTE e independentes comercializaram seus produtos entre a sexta à tarde, 7, e o sábado de manhã, 8, durante a Feira do Produtor Rural, e estão felizes com os primeiros resultados. A princípio, elas estarão no Mercado do Produtor Rural em todo o segundo fim de semana de cada mês. O Governo Municipal, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e suas diretorias de Trabalho e Renda e de Desenvolvimento Rural, abrirá espaço também para quitandeiras, doceiras e cozinheiras da comida de boteco.

Maria das Graças Veloso é membro da comissão de projetos e captação da UNIARTE e produz bordados, como pano de prato. Na opinião dela, a abertura do espaço para as artesãs e artesãos nos dias em que tradicionalmente acontecem a Feira do Produtor Rural representa uma grande esperança para os profissionais de Congonhas. “O público já consolidado da feira irá nos beneficiar. Agora demos um passo à frente. Há 48 artesãos associados à UNIARTE, alguns vêm como associados e outros como independentes, mas a maioria irá querer participar da feira, em um esquema de revezamento”, explica.

Para Michele Salgado, ou Michele Arteira como é mais conhecida, “foi muito bacana conseguirmos esta oportunidade. Muitas pessoas vieram conhecer nosso artesanato. Agradecemos o Governo Municipal, através do secretário Christian Souza Costa, da Secretaria de Desenvolvimento Sustentável, e a suas diretorias de Desenvolvimento Rural e Trabalho e Renda pela cessão do espaço, além do vereador Igor pelo empenho que nos ajudou nesta conquista. Houve venda e muitas encomendas. Nosso trabalho é a longo prazo. Estamos felizes e iremos aumentar nossa produção. A reivindicação que fizemos está abrindo espaço para outros empreendedores, como quitandeiras, o pessoal da floricultura, doceiras e cozinheiras, gerando renda para as pessoas da nossa cidade”.

A princípio, artesãos e artesãs estarão no Mercado do Produtor Rural em todo o segundo fim de semana de cada mês/Divulgação

Já Márcia Cristina Evêncio, que produz e comercializa panos de prato decorados, tem a expectativa de que as vendas cresçam nas próximas vezes que as artesãs e artesãos voltarem à feira, que deverá ser nos dias 12 e 13 de maio. “Várias pessoas vieram aqui para fazer encomendas. A expectativa é que as vendas melhorem nas próximas semanas. Estamos reivindicando poder expor nossos produtos em mais fins de semana, pelo menos enquanto empreendedores de outras áreas não ocuparem este espaço”, diz.

O feirante de produtos agrícolas, Yuri Vieira, de Santa Bárbara do Tugúrio, apoia a iniciativa das artesãs. “Achei muito bonito da parte delas virem dividir o espaço com a gente aqui. O artesanato também vai atrair mais consumidores, inclusive turistas para a feira. Quem não aparece não é lembrado e o produtos delas agora estão na vitrine”, comenta.

Cliente acostumada a visitar a Feira do Produtor Rural de Congonhas, Jéssica Alan, do Primavera, comprou panos-de-prato e encomendou outros itens. Ela afirma que a qualidade dos produtos que viu nos estandes é alta. “A gente aproveita que veio comprar verduras, frutas e legumes e leva algum utensílio doméstico ou até lembrancinhas para as crianças. A Feira pra mim agora está bem mais atrativa”, afirma.

Quitandeiras e quitandeiros, produtores de compotas e doces e cozinheiros que preparam pratos da chamada comida de boteco interessados em exporem seus produtos em breve na Feira do Produtor Rural podem procurar a Diretoria de Desenvolvimento Rural à av. Presidente Getúlio Vargas, nº 69, no Centro, de 7h às 16h. Telefone: 3731-3789.

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
FacebooktwitterFacebooktwitter

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *