CODAP já registra oficialmente 13 municípios consorciados

10
CODAP já registra oficialmente 13 municípios consorciados/Divulgação

O Consórcio Público para o Desenvolvimento do Alto Paraopeba (CODAP) já reúne 13 municípios consorciados com a adesão de Caranaíba, Cristiano Otoni, Moeda, Piranga e Senhora de Oliveira e o retorno de Conselheiro Lafaiete com aprovação de suas Câmaras Municipais. Eles se juntam a Congonhas, Ouro Branco, Entre Rios de Minas, Jeceaba, São Brás do Suaçuí Brumadinho e Catas Altas da Noruega. Belo Vale ainda aguarda esta aprovação por parte do Legislativo local. Da reunião de Dezembro, realizada no SEBRAE, em Conselheiro Lafaiete, nesta quarta-feira, 5 de Dezembro, estiveram representadas 11 prefeituras, representadas por prefeitos e seus assessores. Eles ouviram que o Castra Móvel será entregue ao consórcio no dia 14 e que o serviço de inspeção regional entra em operação no início de 2019, além de informações relativas à incorporação do Consórcio de Administração do Serviço de Iluminação Pública (CASIP) pelo CODAP.

CODAP já registra oficialmente 13 municípios consorciados/Divulgação

Também demonstram interesse em participarem do CODAP Alfredo Vasconcelos, Santana dos Montes e Lamim. Ouro Preto, Mariana e São João del-Rei aconteceu ainda em 2017 e o consórcio aguarda retorno das prefeituras.

O secretário executivo do CODAP, Rodolfo Gonzaga, lembrou aos prefeitos presentes à reunião que, “assim que assumiu o consórcio, o presidente Zelinho [prefeito de Congonhas] pediu que a equipe trabalhasse para o retorno dos prefeitos fundadores do CODAP, que haviam se ausentado por diversos motivos, como também atrair novas cidades para o consórcio. E atualmente já somos 14 municípios com perspectiva de chegarmos a 21 em 2018, graças ao trabalho de nossa equipe que conta, além do presidente e do secretário, entre outros com o diretor de Operações, Dimas Mariosa, o controlador Interno, Paulo Cezar Lopes Corrêa, e a diretora Administrativa do CODAP, Fabiana Rodrigues Pereira.

Prefeito de Moeda, Leo Moura participava da gestão do Consórcio de Administração do Serviço de Iluminação Pública (CASIP), que está sendo incorporado pelo CODAP, e comemora a fusão. “O CASIP foi um consórcio muito interessante para Moeda na iluminação pública. Como alguns municípios desistiram dele, em comum acordo com o CODAP estaremos juntos a partir de 2018 efetivamente, o que garante a manutenção de baixos custos na iluminação pública e extensão de rede. O CODAP oferece outros serviços muito interessantes e, na medida do possível, iremos aderir a eles, que julgamos importantes para a cidade. O Serviço de Inspeção Regional [programa de implantação do Serviço de Inspeção Sanitária Regional – SIR, aprovado em Outubro deste ano pela assembleia]  é um deles e nos interessa muito. Tanto que participamos dos treinamentos e vamos trabalhar para, em 2019, nos beneficiarmos dele  também, porque agrega valor ao produto de origem animal, como é o caso do doce de Moeda. Este certificado pode nos levar a outros de âmbito estadual e nacional. O produto alimentício precisa de referência, que são estes selos”, assegura. A fusão do CODAP COM O Consórcio de Administração do Serviço de Iluminação Pública (CASIP) foi aprovado em dezembro deste ano.

José Élcio de Rezende, prefeito de Cristiano Otoni também afirma que o que motivou inicialmente seu município a consorciar ao CODAP foram os serviços de iluminação pública, já que pagaremos quase a metade do usual. Mas o CODAP oferece também o Castra Móvel e o SIR, porque arcar com os custos da inspeção de alimentos sozinho é muito oneroso para o município. Os produtores estão animados, o assunto já está passando de boca em boca. O selo de inspeção regional agrega valor ao produto, vamos mostrar nossos alimentos orgânicos da Agricultura Familiar. Cristiano Otoni tem laticínios e outros prometendo abrir as portas, como fábricas de doce, o que irá gerar empregos e renda para a cidade. O CODAP garantirá mercado e propaganda para nossa produção”, afirma. A previsão é de que o SIR entre em funcionamento no início de 2019.

Durante o encontro desta quarta, em Conselheiro Lafaiete, a Diretoria do CODAP apresentou aos prefeitos há a ideia para, em 2019,  elaborar um projeto único para participação dos municípios consorciados no  Programa de Eficiência Energética da CEMIG, tendo como meta captar recursos para um só fim: prédios públicos ou iluminação pública. O objetivo, segundo ele, é conseguir propor projeto mais simplificado e aumentar a garantia de beneficiar todas as cidades do consórcio que se interessarem.  Desta vez, somente Ouro Branco e Entre Rios de Minas se inscreveram e receberam recursos deste programa.

Outra informação comunicada durante a reunião é que o veículo adaptado para atender aos municípios conveniados com a castração animal, também conhecido como Castra Móvel, será entregue oficialmente ao CODAP no dia 14 de Dezembro, às 10h, no Solar do Barão de Suaçuí, em Conselheiro Lafaiete.