Com obra de Lobo Leite Governo de Congonhas completa dez poliesportivos entre construídos e requalificados

16

Uma reunião entre a comunidade de Lobo Leite e o Governo Municipal selou a entrega das obras da reforma do Ginásio Poliesportivo de Lobo Leite. O espaço recebeu novos alambrados, redes de proteção, 11 lâmpadas de led, revisão de parte elétrica e hidráulica, pintura da quadra e das arquibancadas com Epóxi e ainda no teto e na paredes, além de reforma dos vestiários e banheiros com instalação de portas de alumínio. A Prefeitura contou com a parceria da empresa LGA para realizar estas melhorias na praça de esportes e lazer do Distrito.

Apesar de concorrer com outro evento marcado para o mesmo dia, a reunião, dessa quarta-feira, 9, contou com representantes da Diretoria da Associação Comunitária de Lobo Leite (ASCOLL), de “peladeiros” e de outros moradores de Lobo Leite e ainda com o prefeito Zelinho, o secretário de Esporte e Lazer, José Lúcio de Castro, e o vereador Galileu.

Priscila Dias, presidente da ASCOLL, agradeceu ao prefeito pela obra que chamou de presente para os moradores da localidade. “Há muito tempo desejávamos ver este local revitalizado. Graças a Deus, o ginásio está sendo entregue a nós novamente, lindo, a ponto de o prefeito ter entrado somente de meia na quadra, para não sujá-la (risos). Agradecemos também ao secretário José Lúcio, ao vereador Galileu, aos meninos das “peladas”, à Diretoria da associação, aos demais moradores, pelo empenho de cada um e que, agora, saibamos fazer um bom uso do ginásio”, aconselhou.

Em seu discurso, José Lúcio lembrou o trabalho árduo de sua pasta para que Congonhas se tornasse referência em esporte e lazer para diversas outras cidades, como Pouso Alegre, que criou um programa inspirado no Congonhas Mais Saudável. Mas destacou o diferencial do Município em relação a outros: “Nós trabalhamos muito sim, o vereador do bairro também, a associação de moradores idem, mas Congonhas tem um grande diferencial: um prefeito que nos dá condições de trabalho, autonomia e valoriza o esporte. Recebemos toda semana prefeito ou secretário de outra cidade para conhecer nossa infraestrutura e as atividades que são desenvolvidas aqui. Um pequeno exemplo de como Congonhas está à frente da região na área de esporte e lazer é que não há quadra municipal pintada com Epoxi em municípios vizinhos. E no Poliesportivo Central, na Praia, o piso é o mesmo que foi utilizado nos Jogos Olímpicos do Rio. Da mesma forma, sem alarde, agora vamos trabalhar para trazer melhorias para o campo de futebol do bairro, se Deus quiser, ainda neste Governo”, completou.

Já o prefeito Zelinho destacou que a Associação Comunitária de Lobo Leite será uma parceira muito importante para cuidar do ginásio, agora reformado. “A chave ficará com a sua Diretoria. A Secretaria de Esporte e Lazer irá também colaborar como material de higiene pessoal e vai trazer para cá pra cá atividades, como escolinhas. Destaco também a parceria com o vereador Galileu, que está sempre fazendo reivindicações ao prefeito. Foi assim também no caso da pavimentação das ruas. Outra reivindicação dele é a ligação do Jardim Profeta a Lobo Leite, que iremos fazer”, afirma.

Zelinho lembrou ainda que este é o décimo ginásio poliesportivo no qual seu Governo investe. “Requalificamos também o Poliesportivo Central, na Praia, e o do Dom Oscar. Construímos mais sete no Pires, Joaquim Murtinho, Alto Maranhão, Matriz, Alvorada, Santa Quitéria e Nova Cidade”.

E o vereador Galileu lembrou que o ginásio poliesportivo de Lobo Leite, após a obra realizada pelo Governo anterior, não foi utilizado devidamente, por isso se deteriorou. Hoje, eu tenho certeza de que as pessoas vão perceber que este é um patrimônio nosso. Até porque elas cobraram do vereador uma intermediação para que o espaço fosse recuperado. Agora é a comunidade fazer o melhor uso dele, com o cuidado que ele merece, com respeito às regras estabelecidas pela Associação Comunitária, seja na prática esportiva ou a realização de eventos. Agradeço ao prefeito, mas também à comunidade pela junção de esforços pra que chegássemos a esse dia”, disse.

Após este encontro, a SEL, A ASCOL e moradores fizeram outra reunião para tratar das regras de uso do ginásio poliesportivo. Durante esta reunião, os membros da comunidade pediram e a Prefeitura informou que serão instaladas lixeiras e um bebedouro no local.