Briga em festa termina em assassinato de jovem lafiaetense em Piranga

27
Nos primeiros minutos de domingo dia 24 de junho, a Polícia Militar em Piranga foi acionada na localidade rural denominada “Carioca” onde uma pessoa que teria se envolvido em uma briga estava caída ao chão ferida a golpes de faca. Os militares chegaram ao local juntamente com uma equipe do SAMU que também já havia sido acionada pelos populares.  Foi verificado que a vítima Cássio da Silva Alves Veloso de 26 anos que era morador do bairro Lima Dias em Conselheiro Lafaiete já havia entrado em óbito.

A namorada da vítima relatou aos militares que o autor da facada seria um morador da localidade rural “Gurpiada”, de alcunha Régis. Conforme o seu relato, o autor teria furtado o seu telefone celular e ao tentar reavê-lo iniciou uma briga entre ela o namorado e o acusado. Em dado momento o autor desferiu uma facada na barriga do seu namorado e empreendeu fuga. A Polícia Militar localizou o acusado em sua residência na localidade “Gurpiada” onde ele se encontrava. Durante os questionamentos o suspeito esclareceu aos policiais que estava participando de uma festa junina no Carioca onde os fatos aconteceram.

Segundo a sua versão, ao ver o primo brigando com um indivíduo conhecido por “Luizinho” interferiu para separar a briga, momento em que a namorada da vítima começou a golpear o primo com uma faca iniciando assim, uma briga generalizada. Segundo o acusado, durante a briga conseguiu se desvencilhar e sair correndo, negando ter sido ele o autor da facada que matou a vítima Cássio da Silva. Na residência havia duas irmãs e uma sobrinha do apontado como autor da facada, ambas apresentando ferimentos, (cortes e hematomas). Elas confirmaram a versão do irmão e acrescentaram que também foram agredidas pela vítima e sua namorada.

O suspeito da autoria do crime foi preso e juntamente com as vítimas foi encaminhado ao hospital São Vicente de Paulo, onde foram medicados e liberados pelo médico de plantão responsável pela confecção dos ACDs. Posteriormente todos foram conduzidos e apresentados ao plantão da 2ª DRPC em Conselheiro Lafaiete. Sandra, namorada da vítima, também foi hospitalizada e transferida para o HMSJ em Conselheiro Lafaiete com suspeita de traumatismo craniano. A faca utilizada no crime não foi localizada.

Fonte: AFX Notícias