Imagens de corpos vítimas de incêndio viralizam na internet

8

Um dia após o trágico incêndio que matou três pessoas da mesma família, incluindo o popular cidadão conhecido como “ Tochinha”, carandaienses que tinham amizade com o “ patrimônio da cidade” ainda prestam homenagens pelas redes sociais, onde várias pessoas postaram fotos relembrando momentos com o amigo .

Apesar da comoção e sentimento de tristeza, um fato chamou a atenção e causou indignação aos carandaienses, quando, por meio de grupos formados nas redes sociais, fotos de “ Tochinha” e seus familiares foram divulgadas e acabaram viralizando nas redes.

Nas fotos, é possível ver o corpo do popular cidadão, bem como seus familiares no local do incêndio, momentos após perderem a vida.

O fato causou repúdio e indignação onde também pelas redes sociais, cidadãos demonstraram sua insatisfação com a divulgação das imagens.

De acordo com advogado Dr. Rovan Henriques, compartilhar fotos de pessoas mortas, vítimas de acidentes ou homicídios é crime. Esta previsto no Código Penal, no artigo 212 e é denominado vilipêndio de cadáver e tem pena prevista de um a três anos de detenção e multa, além de responder perante a justiça criminal, o divulgador pode ainda ser processado por ação de danos morais.

O corpo de “ Tochinha” e de seus familiares foram enterrados hoje pela manhã e até o momento não há informações da perícia sobre a causas do incêndio na residência.

Fonte: carandaionline

Saiba mais: Tragédia em família: incêndio em casa mata mãe e filhos por asfixia