Lafaiete está entre os 10 municípios mais pacíficos do Brasil

22
PM desenvolve operação em Lafaiete/Reprodução

O Atlas da Violência 2017 – estudo realizado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) – aponta dois municípios mineiros entre os dez mais pacíficos do Brasil: Araxá, no Território Triângulo Sul, é o quinto colocado, enquanto Conselheiro Lafaiete, no Território Vertentes, aparece na nona colocação.

O recorte analisado pelo Ipea de dados relativos a homicídios em 2015 coletados pelo Ministério da Saúde, por meio do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), considerou municípios com mais de 100 mil habitantes.

Melhor cidade mineira no levantamento do Ipea, Araxá está a 364 km de Belo Horizonte e é reconhecida como município minerador – maior produtor de nióbio do mundo – e pelas águas termais que atraem turistas de todo o Brasil.

No estudo, o município registrou a taxa de 6,8 como o resultado de homicídios + MCVI (Morte Violenta com Causa Indeterminada) em 2015. No mesmo ano, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Araxá possuía 102.238 habitantes. O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da cidade é de 0,772 (Pnud, 2010) e a renda per capta de R$ 31.457,42 (IBGE, 2011).

PM desenvolve operação em Lafaiete/Reprodução

Para o delegado regional de Araxá, Vitor Hugo Heisler, alguns fatores são fundamentais para a boa colocação do município na liderança dos menos violentos de Minas e o quinto do Brasil. Primeiro, ele ressalta a dedicação dos policiais civis quando ocorre um crime violento para que seja apurado no menor tempo possível. “Essa apuração rápida produz um efeito positivo na comunidade, especialmente junto aos criminosos”, observa.

Heisler enumera como segundo fator as parcerias entre as polícias Civil e Militar, Ministério Público e Poder Judiciário. “As polícias trabalham de forma coesa, com troca de informações, o que facilita o combate à criminalidade, e a boa relação com o Ministério Público e o Poder Judiciário dá agilidade à concessão de medidas cautelares, como mandados de prisão e de busca e apreensão”, afirma.

Conselheiro Lafaiete, por sua vez, apresentou uma taxa de 8,0 no estudo do Ipea. Cercado por mineradoras, o município, a 100km da capital e 451,5 km de Araxá, tem produção agropecuária, comércio e serviços e é cortado pela BR-040. O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de Lafaiete é 0,761 (Pnud, 2010) e a renda per capta R$ 9.045,78 (IBGE, 2011). Também segundo o segundo o IBGE, em 2015, Lafaiete tinha 125.421 habitantes.

Segundo o subcomandante do 31º Batalhão, major Gledson Bruno Píramo da Silva, são realizadas operações em locais estratégicos para uma segurança subjetiva e objetiva, com o emprego dos recursos humanos necessários. “É preciso colocar a viatura e os homens adequados nos locais e horários em que haja demanda para esses recursos para haver segurança e também a sensação de segurança na população”, relata.