fbpx
4.2 C
Conselheiro Lafaiete
sábado, 31 julho 2021
InícioSaúdeProjeto de Lei cria piso salarial para os profissionais da enfermagem em...

Projeto de Lei cria piso salarial para os profissionais da enfermagem em Minas Gerais

O deputado estadual Marquinho Lemos (PT) apresentou à Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) o Projeto de Lei 2.916/2021, que institui o piso salarial do enfermeiro, do técnico de enfermagem, do auxiliar de enfermagem e da parteira em Minas.

De acordo com o projeto, o piso salarial mínimo mensal dos profissionais graduados em enfermagem será de sete vezes o valor do salário-mínimo vigente, nas instituições de saúde públicas e privadas no Estado, com base em jornada de trabalho de 30 horas semanais.

Já o piso salarial do técnico de enfermagem, do auxiliar de enfermagem e da parteira é fixado com base no piso estabelecido para o enfermeiro, na razão de: 70% para o técnico de enfermagem; 50% para o auxiliar de enfermagem; 50% para a parteira. Os valores têm como referência projeto que tramita no Senado.

Recentemente, o estado do Piauí aprovou indicativo de projeto de lei que institui piso salarial para os profissionais da enfermagem.

De acordo com o deputado Marquinho Lemos, neste momento de pandemia, onde os profissionais estão na linha de frente, a aprovação do PL se faz ainda mais urgente. “A fixação do piso salarial nacional e estadual para profissionais da enfermagem e das atividades auxiliares é um reparo imprescindível a ser feito. É preciso lembrar que na carreira da saúde a disparidade salarial é evidente e marcante”, destacou. 

Fonte: Assessoria de Comunicação do Deputado Estadual Marquinho Lemos 

Mais lidas