29 de maio de 2024 05:35

Homem que ‘brincava’ de assalto com máscara de palhaço é morto pela PM

Vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu em Uberlândia

Uma “brincadeira” terminou com a morte de um homem de 47 anos em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, na madrugada desta segunda-feira (2). A vítima usava máscara de palhaço, peruca, óculos espelhados e portava uma réplica de pistola quando tudo aconteceu. 

De acordo com a Polícia Militar (PM), patrulhamento era realizado no bairro Tibery quando os policiais viram o indivíduo apontando a arma para dois homens que estavam sentados em cadeiras na calçada.

O local da ocorrência, conforme registrado, é usado por caminhoneiros para aguardar carregamento e é alvo de furtos e roubos com frequência. Os PMs mandaram o homem soltar a arma, mas ele acabou virando na direção dos agentes apontando a pistola.

Um dos policiais atirou contra o suspeito para preservar o grupo. O baleado soltou a arma e, na sequência, caiu. Ele chegou a ser socorrido e levado ao pronto socorro da Universidade Federal de Uberlândia. Apesar de ter chegado lúcido, não resistiu ao disparo — que atingiu a região do tórax.

O militar autor do disparo foi levado para uma unidade policial e medidas serão adotadas.

“Brincadeira”

Os homens, que estavam nas cadeiras, eram caminhoneiros vindos do Paraguai. Eles contaram que conheciam o suspeito e que não houve tentativa de roubo, mas a intenção de fazer uma brincadeira, já que eles eram conhecidos.

Ficha criminal

A vítima tinha, segundo a PM, oito passagens pela corporação. Alguns dos crimes cometidos são: lesão corporal, ameaça, resistência, desobediência, entre outros. Recentemente, uma denúncia de tráfico de drogas foi realizada no Disque Denúncia contra o homem.

FONTE O TEMPO

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade