17 de abril de 2024 13:09

A troca de antenas parabólicas será de graça para essas famílias

As famílias de baixa renda inscritas no programa social do governo federal, Cadastro Único, podem pedir a troca de antenas parabólicas.

Ao todo, mais de um milhão e cem mil famílias de baixa renda, que moram em 26 cidades com mais de 500 mil habitantes, podem pedir a troca de antenas parabólicas. A estimativa é da Siga Antenado, entidade que está liberando o 5G nas cidades. Na lista, estão os municípios dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Pará, Pernambuco, Bahia, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Goiás.

Quem tem direito à troca de antenas parabólicas?
Em suma, as famílias de baixa renda inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) de programas sociais do governo federal podem pedir a troca de antenas parabólicas. A troca acontecerá de forma gratuita, pois as antenas antigas usam a mesma frequência do 5G. E com isso, a imagem vai ficar ruim até sair do ar.

Por que é necessário fazer a troca?
O lançamento do 5G interfere no sinal das parabólicas. Quando a conexão estiver operando como previsto, a imagem delas ficará ruim até sair, sendo necessária a troca do equipamento.

O sinal ainda está fraco, pois exige um número maior de antenas e as operadoras estão usando as torres do 4G, que já existem. A instalação de novas antenas depende de uma atualização da lei de ocupação do solo do município.

Sendo assim, para liberar o 5G puro, são necessários dois procedimentos para limpar a faixa de frequência e evitar, assim, a interferência que o 5G causa. Um é a troca dos aparelhos de antenas parabólicas, e o outro, é a instalação de filtros nas estações receptoras do Serviço Fixo por satélite.

Como solicitar a troca de antenas parabólicas?
Em suma, todas as capitais brasileiras já tiveram a operação do 5G autorizada. Entretanto, não será feita a oferta para fazer a troca de antenas parabólicas via telefone. Ou seja, a família que desejar ganhar a nova parabólica precisa formalizar o pedido, seja pelo site ou pelo telefone 0800 729 2404.

FONTE SEU CREDITO DIGITAL

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade