25 de julho de 2024 05:58

Operação da Polícia Federal desarticula organização criminosa do tráfico, prende comerciante Conselheira Tutelar na região

São João del Rei – A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado – FICCO coordenada pela Polícia Federal e composta pelas polícias Civil, Militar e Penal de Minas Gerais deflagrou na manhã de hoje, 13/4/2023, a Operação Arrogância. O objetivo é desarticular uma associação criminosa que praticava o tráfico de drogas na cidade de Dores de Campos e região.
As investigações duraram aproximadamente cinco meses e revelaram que os envolvidos recebiam as drogas de fornecedores de fora da região e comercializavam intensamente na cidade.
Dentre os envolvidos há foragidos da justiça que já respondem por tráfico de drogas, homicídios e outros crimes.
Um comerciante e uma Conselheira Tutelar foram presos na operação por envolvimento com o tráfico de drogas.
O Juízo da vara única de prados expediu e oitenta policiais, entre federais, militares, civis e penais, cumpriram 9 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de prisão temporária em Dores de Campos e 3 mandados de busca e apreensão e um de prisão temporária no interior de São Paulo.
Os envolvidos podem responder pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, lavagem de dinheiro, porte de armas e outros crimes. As penas somadas podem ultrapassar 20 anos de reclusão. Todos os presos foram encaminhados para o presidio de São João del Rei e ficarão à disposição da Justiça.
O nome da operação – Arrogância – deve-se ao fato de que o grupo criminoso, cujos membros são reconhecidos por grande parte da população local como traficantes de drogas, vangloriar-se com frequência de que nunca seria alcançado pela Justiça Penal.

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade