20 de abril de 2024 06:28

Eleições começam a esquentar: PT Lafaiete lança Zilda Helena como pré-candidata à prefeitura

Decisão do diretório municipal é fruto de um consenso dentro do partido. Retrata a importância de se construir uma alternativa real de esquerda em Lafaiete, que se oponha ao caos e abandono verificados nas últimas administrações da direita.

Conselheiro Lafaiete, 14 de junho de 2023 – Em sua reunião regular, realizada no último dia 07 no formato híbrido (presencial e via internet), o diretório municipal do PT Lafaiete decidiu por unanimidade apoiar a ex-vereadora Zilda Helena como pré-candidata à prefeitura. Para os membros do diretório, é importante que o partido esteja unificado para definir as suas escolhas ao executivo municipal, com uma pré-candidatura competitiva e que desde já coloque em pauta os problemas e soluções para Lafaiete, ouvindo a população. Esta definição também é fundamental para a futura composição de uma chapa de pré-candidato(a)s a veredor(a) igualmente forte, pois o legislativo é crucial para a execução de um projeto transformador para a cidade. Para o PT Lafaiete é muito importante que a prefeitura esteja acompanhada de uma câmara de vereadores igualmente progressista e sintonizada com o seu programa político e suas práticas de governo, atendendo às expectativas e necessidades do povo, trazendo bem-estar a toda população.

Antes da reunião do diretório, a executiva municipal conversou com todos os possíveis pré-candidatos do partido à prefeitura, entre eles Alvaro Fernando, atual presidente do PT Lafaiete (e candidato na última eleição municipal); Pedro Américo, vereador; e Manoel Vespúcio, líder comunitário. Todos concordaram que Zilda Helena é nome capaz de unificar e trazer a esquerda de volta ao comando da cidade, fazendo uma dobradinha com Lula no governo federal e tendo como foco fortes políticas sociais e de desenvolvimento, com emprego, renda e serviços públicos de qualidade.

O PT Lafaiete está abrindo as discussões e apresentando o seu nome para o diálogo, primeiro com a federação (PT, PV e PC do B) e posteriormente ampliando a sua composição com os demais partidos progressistas e da esquerda no município.

Segundo Alvaro Fernando, “o PT tem projeto nacional com a força do presidente Lula e busca um programa para Lafaiete com a mesma determinação e qualidade, coordenado sob a liderança da pré-candidatura da companheira Zilda Helena, com toda a sua longa experiência no serviço público, sempre comprometida com as causas populares e de assistência e desenvolvimento social, essencial na vida de todos, principalmente daqueles que mais precisam. Incluindo os próprios servidores públicos municipais, hoje tão desrespeitados”.

Sobre Zilda Helena

Zilda Helena é bacharel em direito, professora e teóloga, nascida em Conselheiro Lafaiete. Tem grande experiência política, tanto no legislativo quanto no executivo municipal, já que foi vereadora na cidade por dois mandatos e secretária municipal de Desenvolvimento Social. Como militante de causas sociais, destacam-se sua atuação na Pastoral da Criança, no Fórum Regional e Frente Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, na alfabetização infantil, no Conselho Tutelar e no auxílio aos direitos da pessoa com deficiência e das mulheres vítimas de violência.

Bem votada para vereadora nas eleições de 2020, Zilda é hoje primeira suplente do vereador Pedro Américo (PT) na Câmara Municipal. Nas eleições do ano passado, teve excelente votação para deputada estadual (8.227 votos), sendo a mulher mais votada em Lafaiete.O mais importante em Zilda Helena é seu compromisso com a classe trabalhadora, entretanto sua pré-candidatura abre também a perspectiva histórica de eleger a primeira mulher prefeita municipal de Conselheiro Lafaiete. Zilda destacou que o que a motiva a colocar seu nome à disposição é o compromisso com a promoção da justiça social. “Temos que contribuir por uma sociedade mais justa e igualitária, com acolhimento e inclusão. Não podemos fugir de nossa missão. Estamos no mundo para dar a nossa parcela de contribuição nas ações a favor da vida, por um mundo melhor com dignidade, promoção humana e respeito ao meio ambiente. Por um desenvolvimento sustentável, uma economia solidária e com a participação popular, rumo à sociedade do bem viver”, declarou.

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade