22 de maio de 2024 06:18

Governo de Minas atrai investimento de R$ 35 milhões da Fassa Bortolo para o estado

 Expectativa é que a ampliação da unidade em Matozinhos, na RMBH, gere mais empregos e renda para os mineiros

O Governo de Minas garantiu, nesta sexta-feira (8/9), na Itália, a atração de mais um investimento para o estado, com foco na geração de empregos e renda para os mineiros e desenvolvimento da economia local. Em reunião com a Fassa Bortolo, na sede do grupo, na cidade de Spresiano, região do Vêneto, foi anunciado que a empresa vai direcionar R$ 35 milhões para Minas, com o objetivo de ampliar sua fábrica em Matozinhos, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).

A unidade da empresa em Matozinhos é a primeira fábrica da marca italiana fora da Europa. O empreendimento, que atualmente emprega cerca de cem pessoas, começou a produzir em agosto de 2021 e, já no mês seguinte, a marca foi lançada no mercado mineiro.

O governador Romeu Zema – que está em missão internacional na Itália em busca de mais investimentos e empregos para os mineiros – celebrou a decisão do grupo de ampliar a operação em Minas. 

“Esse foi um dos grandes investimentos atraídos pela nossa gestão e que, agora, investe em uma ampliação, pouco tempo depois de iniciar sua produção em Minas. Isso mostra como, hoje, após as melhorias que fizemos para facilitar a vida do empreendedor e recuperar a credibilidade e a confiança do investidor, o estado está bastante atrativo para receber novos negócios. São ações que geram empregos, riqueza e arrecadação. Esperamos que a Fassa Bortolo siga alcançando novos mercados a partir de Minas Gerais e que faça, em breve, novos investimentos no nosso estado”, afirmou Zema. O governador reforçou, ainda, o impacto direto na vida do cidadão com cada medida de atração de negócios.

“Nada é melhor para resgatar a autoestima, dar esperança e liberdade às pessoas do que um emprego. E seguiremos para alcançar mais desenvolvimento econômico para Minas. Nossa meta é alcançar mais de meio bilhão de reais em investimentos no estado. Já conseguimos chegar aos R$ 350 bilhões – e continuaremos trabalhando para atingir o objetivo”, acrescentou.

Ampliação

O investimento visa atender à demanda crescente aos produtos da empresa e prevê, também, a implantação de uma segunda linha de mistura que, a partir de março de 2024, dará maior eficiência e velocidade aos processos de ensacamento de argamassas e de distribuição do produto a granel.

Isso aumentará a capacidade produtiva da empresa que, atualmente, é de 300 mil toneladas de argamassas e rejuntes por ano. Também será construído um segundo galpão para estoque de insumos produtivos, liberando o galpão ocupado por produtos ensacados para o despacho aos clientes.

“Estamos felizes com o sucesso crescente da operação em Minas Gerais. Continuamos confiantes no ótimo relacionamento com o Governo do Estado e no potencial de crescimento da economia brasileira para fortalecer ainda mais nossa atuação neste importante mercado”, disse o presidente da multinacional, Paolo Fassa, que fez o anúncio por parte da empresa.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), Fernando Passalio, relembrou a trajetória de crescimento da empresa em sintonia com as conquistas do Estado.

“É realmente gratificante acompanhar o expressivo crescimento que o Governo de Minas tem alcançado nestes últimos quatro anos e meio. É algo nunca imaginado quando o assunto é atração de investimentos. Para nós, a expansão de grandes empresas em solo mineiro, como o caso da Fassa Bortolo, é resultado de um trabalho intenso em prol de políticas de liberdade econômica capazes de colaborar com o crescimento não somente da economia mineira, mas também de empresas comprometidas em fazer história em Minas Gerais”, pontuou.

Para o CEO da Invest Minas, João Paulo Braga, a consolidação da Fassa Bortolo reforça o nome de Minas como a melhor alternativa atual para investidores internacionais.

“Com mais de R$ 300 milhões em aportes ao todo, esse é um dos maiores investimentos de uma companhia italiana em Minas nos últimos anos. A ampliação da fábrica de uma marca tão tradicional quanto a Fassa Bortolo inspira outras empresas europeias a optarem também pelo nosso Estado para iniciar ou aumentar a presença no Brasil”, considerou o diretor-presidente da Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior de Minas Gerais.

Empresa

O grupo Fassa Bortolo é um dos maiores e mais tradicionais grupos empresariais do ramo da construção civil no mundo, com mais de 300 anos de história. A empresa possui 18 unidades produtivas de argamassas, rejuntes e centenas de outros produtos em seis países da Europa, além da fábrica em Minas. O grupo emprega cerca de 1,6 mil colaboradores em todo o mundo.

A unidade de Matozinhos ocupa uma área de 50 mil metros quadrados e é a mais moderna de seu segmento no país, com o mesmo layout, estrutura e equipamentos das mais atualizadas fábricas da Fassa em solo europeu.

A fábrica em Minas também possui sistemas de filtragem para capturar particulados e foi projetada para minimizar a produção de rejeitos, que são separados para posterior reutilização ou reciclagem. A água da chuva é utilizada para atividades de limpeza. Além disso, de acordo com a Fassa Bortolo, uma área de mata nativa será preservada.

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade