24 de abril de 2024 18:15

Governo libera PIX de mais de R$ 100 na próxima semana; veja quem recebe

Veja quem tem direito ao benefício

Uma grana extra sempre ajuda no orçamento, não é mesmo? Assim, vale alertar que milhares de brasileiros terão direito a um PIX acima de R$ 100, que vai entrar no Caixa Tem a partir da próxima quarta-feira (18).

Trata-se do repasse do Vale-Gás, benefício voltado às famílias em situação de vulnerabilidade social.

Em resumo, o valor é pago a cada dois meses e varia conforme o levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), que calcula o preço médio do gás de cozinha no país.

Então, o repasse acontece por meio do aplicativo Caixa Tem e deve ficar em torno de R$ 100.

Quem tem direito ao Vale-Gás?

Os critérios de elegibilidade para o PIX do Vale-Gás são:

  • Famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal (CadÚnico), com renda familiar mensal per capita menor ou igual a meio salário mínimo nacional;
  • Famílias que tenham entre seus membros residentes no mesmo domicílio quem receba o Benefício de Prestação Continuada (BPC);
  • A lei estabelece que o auxílio será concedido “preferencialmente às famílias com mulheres vítimas de violência doméstica que estejam sob o monitoramento de medidas protetivas de urgência”.

No entanto, é importante destacar que não existe um cadastro específico e a seleção das famílias beneficiárias é feita diretamente a partir do Cadastro Único.

Dessa forma, o único passo a ser tomado pelos interessados é fazer o cadastro no CRAS da sua cidade.

Números da rodada de agosto

Na rodada anterior, o valor depositado com o PIX no Caixa Tem referente ao Vale-Gás foi de R$ 108.

Ainda mais, o benefício chegou para 5,63 milhões de famílias. Assim, o investimento do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) em agosto foi de R$ 608,54 milhões.

Além disso, do total de pessoas alcançadas pelo Vale-Gás em agosto, 9,76 milhões eram do sexo feminino, ou 57,7%. Enquanto que os lares que têm mulheres como responsáveis familiares representaram 87%, ou 4,9 milhões.

A região com maior número beneficiados foi a Nordeste, com 2,69 milhões de famílias contempladas, 48% do total, em um investimento de R$ 290,54 milhões. Em seguida veio o Sudeste, com 1,83 milhões de lares (33%) e R$ 198,71 milhões de repasses.

No Norte foram 543,49 mil famílias (10%), que juntas receberam R$ 58,69 milhões. Já na região Sul foram 364,92 mil famílias (6%), em um investimento de R$ 39,41 milhões. No Centro-Oeste, as 196,07 mil famílias (3%) somaram R$ 21,17 milhões de repasses.

FONTE BRASIL 123

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade