18 de junho de 2024 21:15

Giuseppe Laporte sugere abertura 24 horas do PSF do Albinópolis e cobra solução para túnel da Marechal

 

“Se o prefeito tivesse nos ouvido desde o início poderíamos estar com uma saúde em melhores condições em nossa cidade”. Esta foi a declaração do Vereador Giuseppe Laporte (MDB), de Lafaiete (MG), na sessão da noite desta terça-feira (5) cujo principal tema foi a alarmante situação da dengue com mais de 2 mil lafaietense infectados e 3 mortes.

Muito além das críticas, o edil fez sugestões ao executivo, entre elas a transformação do espaço da sede da unidade de Estratégia de Saúde da Família (ESF) no Bairro Albinópolis em ponto de apoio aos pacientes de dengue com funcionamento 24 horas. “Este espaço poderia ser equipado com macas e outros equipamentos, juntamente com uma equipe de profissionais, para desafogar a policlínica. Só falta boa vontade”, citou Giuseppe, defendendo também que após a conclusão a UPA, no bairro Tamareiras, a prefeitura continue usando o espaço da policlínica. “Seria errado fechar. Se a UPA não tiver condições que permaneça usando a policlínica”.

Túnel

O túnel Ovídio Barbosa, que liga as partes alta e baixa de Lafaiete, também foi alvo de críticas dos vereadores com cobranças por mais segurança, limpeza, iluminação e constante higienização.

Giuseppe Laporte sugeriu que com apoio da MRS,  a instalação de uma cancela para a passagem de pedestres para o fluxo dos pedestres. “Se chove, tem alagamento. A sujeira toma o local. Quem sabe a MRS libere a parte de cima para as pessoas usarem”, pediu o edil.

 

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade