25 de julho de 2024 03:34

VITÓRIA E RECORDE BATIDO: Em duas horas de prova, Ernani conquista segundo título de TUTAN a mais de 2,7 metros de altitude

A TUTAN aconteceu entre os dias 28 e 29 de abril em Visconde de Mauá, distrito de Resende (RJ) com a presença do multiatleta lafaietense, Ernanie de Souza que estava inscrito na distñcia de 70 km.

A prova aconteceu dia 28 de abril com largada as 4 horas da manhã no município de Itatiaia e a meta era atravessar todo o Parque Nacional de Itatiaia enfrentando a difícil missão de passar por um dos pontos mais alto do Brasil o Pico das Agulhas Negras com seus 2790 metros de altitude.

Depois de ter disputado os 100 km em 2023 ele teve um pouco mais de tranquilidade para a disputa deste ano pois já conhecia quase que a totalidade do percurso uma vez que os 70 km utiliza as mesmas trilhas, de toda forma o percurso desafiador da TUTAN sempre deixa apreensivo.

“Minha estratégia neste ano foi de me destacar logo no começo da prova é consegui aplicá-la muito bem pois assumi a liderança logo na largada, na TUTAN temos uma característica interessante nas distâncias de 70 e 100 km, uma longa subida com 32 km de extensão faz parte do percurso é ela começa justamente na largada”, comentou Ernani.

Depois de acelerar no começo da prova e atingir o ponto mais alto da montanha em primeiro lugar era hora de avaliar as condições físicas e seguir em frente. Já na passagem do km 35 ou seja, metade da prova, ele se sentia forte é seguia abrindo caminho serpenteando as belas trilhas do Parque Nacional porém as provas de longa duração sempre reservam surpresa.

Veio o km 55, ali as coisas começaram a ficar difíceis, o sol forte é o desgaste do começo de prova começou a cobrar seu preço. “Me senti fraco e o ritmo começou a cair e aproveitei para me alimentar bem, usar algum suplemento e logo voltei a acelerar para me manter na ponta até cruzar a linha de chegada conquistando minha segunda vitória na TUTAN é batendo o recorde da distância em incríveis 2 horas.

“Ao final, durante a comemoração é premiação eu cheguei a conclusão que além do condicionamento físico os fator que mais contribuiu para esta vitória foi a força mental pois os últimos 15 km foram de uma briga interna enorme”, comemorou.

Agora subirei na mountain bike para em maio disputar a Internacional Estrada Real em Ouro Branco.

Agradeço meu patrocinador o Clube Recreativo Dom Pedro II pela parceria de longa data, agradeço também meus familiares é amigos que sempre me apoiam também.

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade