Fim de semana sangrento e Lafaiete registra 3 tentativas de homicídio

11

Enquanto as ações sociais se multiplicaram no Natal por outro lado a violência também cresceu em Lafaiete. Na véspera das festividades, a cidade foi sacudida com 3 tentativas de homicídio. Somente, no domingo, dia 24, foram duas em menos de 20 horas. Isso sem contar que a escalada da violência aumentou consideravelmente em dezembro quando foram registrados 4 homicídios com vítimas fatais.

A primeira tentativa de homicídio, aconteceu na sexta feira, dia 22, por volta das 18:00 horas, quando 4 elementos, em um veículo Gol, vermelho, após terem procurado a vítima em sua residência na rua Marechal Floriano Peixoto sem êxito, realizaram uma ligação via celular e marcaram um encontro com ela  próximo ao radar da BR-040 no bairro São Dimas simulando se  tratar de assuntos relacionados a um serviço. No local, atraído pela emboscada, a vítima E. D.S de 27 anos que é padrasto da namorada do autor, H. M.S de 21 anos, sofreu o atentado. Não conseguindo alveja-lo, os três elementos entraram no veículo e o motorista tentou atropelá-lo. A Polícia prendeu os autores.

Duas ocorrências

No dia 24, foram dois crimes. O primeiro ocorreu no Bairro Jk.  Uma vítima foi encontrada por militares dentro de um veículo GM/Celta sentado no banco do motorista, inconsciente e com um ferimento na cabeça próximo ao ouvido esquerdo, porém respirando. Exames específicos indicaram perda de massa encefálica e o alojamento do projétil no crânio. O homem foi identificado no local por populares como sendo F.H.S de 22 anos, que é morador da rua onde aconteceu o crime. Diante da gravidade, a vítima foi encaminhada ao Hospital Regional em Barbacena.

O último crime ocorreu no começo da noite do mesmo dia, quando um adolescente F. L.M. R., de 15 anos foi atingido por um disparo de arma de fogo. Um menor fazia uso de drogas no bairro Nossa Senhora da Guia quando houve um desentendimento entre ele e o autor. Conforme o seu relato, em dado momento o autor manuseou um revolver que veio a disparar e atingindo o seu quadril no lado esquerdo.
Ao perceber a situação, o grupo de aproximadamente 10 pessoas que estavam em sua companhia em um lote vago se ausentou do local.  O SAMU foi acionado e encaminhou a vítima ao Maternidade São José, onde ela foi atendida.