fbpx
12 C
Conselheiro Lafaiete
sexta-feira, 14 maio 2021
InícioRegionalGustavo: a nota é de pesar, mas o canto é de ESPERANÇA!

Gustavo: a nota é de pesar, mas o canto é de ESPERANÇA!

É com muita dor no coração que recebemos, nesta madrugada do dia 3 de maio de 2021, a notícia do falecimento de nosso jovem irmão-de-luta no Movimento dos Atingidos por Barragens, Gustavo Procópio, vitima de complicações ligadas ao Covid 19.

Gustavo veio inserindo-se no MAB em Congonhas MG logo após o crime da Vale em Brumadinho, o qual gerou comoção e mobilização na conhecida ‘cidade dos profetas’, que abriga muitas e perigosas barragens de rejeito.

Gustavo sempre demonstrou muita indignação pela injustiça social e optou por buscar resposta no espaço correto, na luta popular, no sonho coletivo de uma sociedade sem exploração.

Gustavo cursou música, lecionava e tocava maravilhosamente bem; místico por natureza, sua presença em nossos espaços trazia uma leveza toda especial no trato de questões muito complexas.

Gustavo fazia parte do Grupo de Base do MAB, que se reúne semanalmente, toda terça-feira à tarde, dando sangue a essa organicidade, corpo vivo.
Com dupla jornada de jovem que participa da luta popular e luta pela própria subsistência, Gustavo espremia seu tempo às quintas-feiras para editar crônica do quadro ‘Obrigado Paraopeba!’, que vai ao ar, semanalmente, em duas rádios da região do Alto Paraopeba.

A nota, hoje, é de pesar! Toda solidariedade do MAB a Silvana, sua mãe; a Mauro, seu pai; a Gabi, sua irmã.

Mas o canto é de esperança! O violão, que em suas mãos só faltava falar, agora não sente os dedos hábeis de Gustavo em suas cordas. As notas emudecem. Porém, a memória viva de Gustavo nos ajuda a tocar a luta em frente.

Gustavo vive, sempre!

Leia mais

Músico e militante do Atingidos por Barragens (MAB) morre de covid-19

Mais lidas