Operação no JK: com cão farejador localiza drogas em boca de fumo e prende suspeito acusado de aliciar menores ao tráfico

16
Drogas localizados por cão farejador/DIVULGAÇÃO
Drogas localizados por cão farejador/DIVULGAÇÃO

PM apreendeu um menor e realizou a a prisão de dois homens por crimes de receptação e corrupção de menores durante operação no JK. Os fatos ocorreram ontem (26.), em operação da Polícia Militar quando teve a atenção voltada para um homem, posteriormente identificado (32 anos), estando em frente a uma residência na qual realizava contato com o morador e tentava passar um aparelho celular pela fresta do portão.

Tendo em vista que na quinta-feira (23 de julho) houve o cumprimento de mandado judicial no bairro em operação conjunta que culminou com a apreensão de menores e apreensão de drogas e armas de fogo, a Polícia Militar abordou o suspeito e o morador, identificado como sendo menor de idade (15 anos) apreendido durante a citada  operação conjunta.

Do lado de dentro, próximo ao portão, foi visto o suspeito (28 anos) que logo ao perceber a presença da Polícia Militar dispensou ao chão um invólucro que ao ser vistoriado foram encontradas quatro buchas de substância análoga a maconha.
Devidamente autorizada, a Polícia Militar teve acesso ao interior da casa e realizou buscas nos pertences do menor assim como no quintal da  residência, onde foi aplicado um cão farejador, sendo encontrados em um monte de areia, em uma área em construção, dois tabletes de substancia análoga a maconha, duas pedras brutas de substancia análoga a crack e uma balança de precisão.
Com o suspeito (32 anos) foram encontrados dois aparelhos celulares, os quais ele foi visto tentando entregar para o menor, não sabendo informar sua procedência.
Diante disso foi dada voz de prisão em flagrante delito ao abordado (28 anos) por tráfico ilícito de entorpecentes e corrupção de menores para a prática de crimes. Dada voz de apreensão em flagrante de delito ao menor por ato infracional análogo a tráfico de entorpecentes. Dada voz de prisão em flagrante delito ao abordado (32 anos) por crime de receptação. Todos foram conduzidos à Delegacia de Polícia.