Polêmica: vereadores trocam farpas pelo fim do recesso de julho, abertura das reuniões a população e volta das sessões à noite

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O vereadores trocaram farpas durante votação pela continuidade da realização das sessões na parte da manhã para o segundo semestre. Desde março, em função da pandemia, as reuniões não foram mais realizadas à noite como determina o regimento interno da Casa.

vereadores trocam farpas pelo fim do recesso de julho, abertura das reuniões a população e volta das sessões à noite / CORREIO DE MINAS

O Presidente João Paulo Pé Quente (DEM) argumentou que as sessões na parte da manhã geram economia, como horas extras, mas prontamente foi rebatido pelo seu colega, o Vereador André Menezes (PP). “Defendo que as sessões voltem à noite e que sejam abertas a população. Também sou contra o recesso parlamentar de julho”, assinalou. A última sessão do primeiro semestre ocorre nesta quinta-feira (9), quando os trabalhos legislativos ficam suspensos até dia 4 de agosto.
Em função do isolamento social, o Vereador petista, Chico Paulo, defendeu que as reuniões continuem na parte da manhã até o fim da pandemia. A Vereadora Carla Sássi (PSDB) pontuou que, apesar do recesso, os vereadores permanecem com suas atividades parlamentares. “Esse horário não promove a participação popular”, considerou André Menezes.
Os vereadores Sandro José (PROS), Alan Teixeira (DC) e André votaram pela volta das sessões na parte da noite. João Paulo Pé Quente afirmou que todos os vereadores estariam de sobreaviso em caso de votação de matéria extraordinária no recesso parlamentar.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
FacebooktwitterFacebooktwitter

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *