Região ganha grupo integrado de combate às quadrilhas de explosões a caixas eletrônicos

12
Região contará com grupo especializado de combate às explosões de caixa eletrônico/REPRODUÇÃO

A Polícia Civil de Minas Gerais participou, na manhã desta quarta-feira (11), da reunião do Grupo de Trabalho Operacional Sobre Explosão de Caixas Eletrônicos, em Barbacena.

A reunião faz parte de série de encontros que estão sendo realizados nas 19 regiões integradas de Segurança Pública (Risps) do Estado e tem como objetivo criar grupos locais responsáveis por compartilhar informações e unir esforços para a formulação de ações coordenadas visando à prevenção e à repressão dos ataques contra instituições financeiras.

A reunião contou com diversos atores que farão parte do grupo de atuação na 13ª RISP, que abrange Barbacena, Conselheiro Lafaiete, São João Del Rei e suas regiões. O encontro contou com a participação do Chefe do 13º Departamento de Polícia Civil, Delegado-Geral Carlos Capristrano, do General Nilton José Batista Moreno Júnior, Subsecretário de Inteligência e Atuação Integrada, assim como representantes do Ministério Público, das instituições bancárias, da Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) e das diversas forças de Segurança Pública Estaduais e Federais.Os participantes assistiram palestras sobre a metodologia de trabalho dos grupos, conheceram os mecanismos de segurança adotados por instituições bancárias e compartilharam informações sobre a atuação específica de cada corporação no combate aos ataques.Durante a apresentação da Polícia Civil, o Chefe do 13° Departamento, discorreu sobre a modalidade criminosa nos últimos cinco anos, enfatizando o trabalho de investigação e inteligência realizados pelo Departamento e pela Polícia Civil de Minas Gerais.

 

  • foto capa ilustrativa