Surpresas e novidades: em ano eleitoral, vereadores retomam trabalhos legislativos nesta terça feira

15

Após o recesso, a Câmara Municipal de Conselheiro Lafaiete retoma hoje (4), a partir das 19:30 horas, os trabalhos legislativos em sessão do último ano da Legislatura 2017/2020.

Câmara retoma os trabalhos legislativos nesta noite / ARQUIVO

2020 será marcado pelo ano eleitoral onde o clima contaminará diretamente a Casa Legislativa e pela primeira vez não haverá coligações proporcionais, acirrando ainda mais a disputa pelas 13 cadeiras, das quais, muitos avaliam, que pelo menos, 3 a 4 estão já garantidas pelos atuais vereadores. Nos bastidores, os partidos se articulam e aglutinam para forças para tornar a disputa equilibrada internamente.

Com mais de 30 partidos, aumentará a disputa pela vereança. Sob a batuta do maestro João Paulo Pé Quente (DEM), 2020 será um ano de surpresas, mas os vereadores querem mostrar o trabalho desenvolvido nos últimos 3 anos e apostam na reeleição.

Na Casa, os 12 dos 13, vão se candidatar a mais um mandato. Apenas Chico Paulo (PT) adiantou que não participará do pleito, mas alguns garantem que ele vem para a disputa.

Uma novidade será o retorno ao cargo, já para o dia 1º de março, do vereador Geraldo Lafayette (PP) que substituirá Oswaldo Barbosa (PP) depois de 3 anos no comando da pasta da cultura. O teatrólogo é candidato a reeleição assim como seu substituto.

O PSD pode estreiar na câmara com 3 vereadores em breve puxado pelo edil Alan Teixeira já o PL pode dobrar sua bancada na Casa Legislativa. Outros 3 vereadores muito bem votados ainda estudam convites para deixar suas legendas.

As surpresas ficam por conta da chamada janela eleitoral, período em que vereadores podem mudar de partido para concorrer à eleição (majoritária ou proporcional) de outubro sem incorrer em infidelidade partidária, ficou fixada de 5 de março a 3 de abril. Haverá mudanças que podem alterar a relação de forças na Casa.

Alguns parlamentares municipais já estão de malas prontas para migrar para o novo ninho político e DEM deve ser fortalecer com a entrada de um ex presidente do Legislativo, cacifando a sigla para 4 de outubro. Ainda não confirmada, é aguardada a presença do Prefeito Mário Marcus (DEM) na sessão de abertura de 2020.

Audiências

A Câmara retoma os trabalhos já mostrando serviços com a realização de duas audiências públicas já agendadas para fevereiro. No dia 10, às 18:30 horas, acontece a discussão a “Privatização de Empresas Públicas” e no dia 17  a Casa promove reunião para discutir, a partir das 19:00 horas, a inclusão escolar.

Pauta

Está em pauta hoje apenas a discussão e votação do projeto, de iniciativa da Vereadora Carla Sassi (PSB) que institui a Semana Municipal da Fibromialgia. Como a 1ª sessão, a grande maioria do vereadores deve discursar na Tribuna.